segunda-feira, setembro 13, 2010

Homenagem ao Pastor Gil de Araujo Cruz




"Mas em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra
com alegria a minha carreira, e o ministério que recebi
do Senhor Jesus,para dar testemunho
do evangelho da graça de Deus."

Pr. Gil de Araujo Cruz.


FALECIMENTO

João Cruzué

Quero deixar aqui meu testemunho sobre um pouco do grande trabalho com literatura que o Irmão Gil fez no final dos anos 80s, quando lançou uma campanha de distribuição de 200 mil Novos Testamentos "O Mais Importante é o Amor." Um projeto da Sociedade Bíblica Americana tocou em parceria com o Ministério do Pr. Fanini, da Igreja Batista de Niterói que durou até o ano de 1995. O responsável da logística dos Novos Testamentos para São Paulo era o Irmão Gil.

Na época, eu era o editor-chefe do Jornal Arauto JUADSA, e juntos fizemos a publicidade do projeto. A campanha foi muito além de 200 mil NTs distribuídos. Em um ano, foi ultrapassada a marca de 1.000.000 de exemplares. Eles vinham em uma carreta de Niterói (Pr. Fanini) para São Paulo. Irmão Gil, o moço simples, filho da Igreja de Vila Arriete, é quem cuidava do pedido e do transporte dos Novos Testamentos do Rio para São Paulo. Como o custo de cada livro éra equivalente a uma bala doce, os irmãos da Igreja de Evangélica Assembleia de Deus - Ministério em Santo Amaro, compravam caixas e mais caixas para distribuição gratuita. Eu gostaria que você soubesse disso.

Pr. Gil e esposa Irmã Rose Cruz

Durante muito tempo irmão Gil foi o Coordenador de Evangelismo da JUADSA de 1986 até os dois grandes congressos no Ginásio do Ibirapuera. Da última vez que o vi, eu tinha até sua Casa levar o convite de casamento de minha filha primogênita. Minha esposa, minhas filhas e eu, queremos deixar nesta postagem as nossas boas lembranças do moço simples, humilde, ético, laborioso, que escreveu uma história muito linda no Ministério de Santo Amaro. Queremos apresentar nossos sentimentos a sua Esposa, filhos, pais e irmã.


cruzue@gmail.com



.

4 comentários:

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro irmão João Cruzue,

A Paz do Senhor!

Justa homenagem!
Parabéns!

Seu conservo,
pr. Carlos Roberto

Michael Campos disse...

Paz do Senhor...

Falar do Pr. Gil Araujo é falar de uma vida entregue a obra de Deus.

Todos os adjetivos aqui expressos revelam a pessoa exemplar que fora o meu Pastor.

Agradeço a Deus pela oportunidade que me dera de conhece-lo... pois ele me ensinou através da Santa palavra de Deus o caminho mais excelente a se trilhar até chegar ao Céu de Glória.

Michael Campos - Congregação de Jd. Cupecê Min. de Sto. Amaro

rose disse...

Agradeço a carinhosa homenagem feita ao meu querido esposo, Gil Araujo, homem, que espalhou a boa semente da palavra de Deus e colheu muitos frutos em vida, agora esta aguardando a coroa da justiça que esta reservada a todos que permanecerem fiel até o fim, ele combateu o combate acabou sua carreira e guardou a fé ate o ultimo folego de vida, mesmo estando infermo nao deixou de fazer a obra de Deus, pois a tinha como objetivo numero 1 em sua vida, o seu galadão será muito grande no reino dos ceus.

Obrigado, que Deus vos recompense.

Rose Cruz

Joao Cruzue disse...

Irmã Rose,

Não fiz mais do que minha obrigação. Quando quiser publicar a biografia do irmão Gil, conte comigo.

Irmão João Batista Cruzué


.