terça-feira, fevereiro 28, 2012

Café com Jesus 10

.
Os Segredos da Oração

Mesa de concerto

"Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade,
porque ele tem cuidado de vós".
1 Pedro 5:7
João Cruzue

Por que será que Deus de tudo sabe e ainda quer que oremos? Se Ele conhece o passado, o presente e o futuro, porque não intervêm em nosso favor sem a necessidade de orarmos? Por que sou induzido a praticar a oração se já orei tanto que não tenho mais vontade de orar? Estas são questões muito comuns que provavelmente já fizeram parte de seus pensamentos. Não tenho as respostas na ponta da língua, mas uma coisa sei: que Deus nos ama e deseja que tenhamos intimidade com Ele. 

Jesus orava bastante. E por que Ele orava? Porque gostava de conversar, de dialogar com o Pai. Ele não tomava nenhuma decisão difícil sem compartilhá-la em oração com o  Paizinho, como costumam orar os judeus. Na realidade, conversar sozinho com uma pessoa sem que ela esteja visível por perto parece maluquice, ainda mais nos dias de hoje, eu diria que seríamos até taxados de esquizofrênicos. O detalhe é que o próprio Senhor Jesus nos ensinou a escolher um lugar reservado e que fechemos a porta para ficar a sós para orar ao Pai.

Quando reservamos um tempo especial para falar com Jesus a sós, estamos orando com sabedoria e objetividade. Deus é Espírito e ele promete nos ouvir. Saindo do teórico em partindo para o lado prático do assunto. Dias atrás, lembrei-me de alguns móveis de minha casa, entre eles o sofá, precisavam ser trocados. Também tinha uma dívida a receber de 14 meses. Ano passado, gastei vários fins de semanas para fazer determinado serviço. Eram meus dias de descanso e eu precisava mesmo daquele dinheiro para custear parte das despesas do casamento de minha filha. O serviço fora feito, mas não recebi o combinado. Então com muita educação e paciência fui tratando do caso - sem nunca deixar a porta se fechar - e como disse no começo do parágrafo, fiquei olhando aqueles móveis, e como estava sozinho, disse para Jesus: Senhor está vendo esses móveis velhos? Eu preciso trocá-los. Mas eu somente posso fazer isso, depois de receber aquela dívida que já fez 14 meses." O fato é que na mesma semana recebi, de surpresa, um comunicado de que o dinheiro estava a caminho.

Há coisas que recebemos na hora. Outro dia no escritório procurei por um processo por dois dias, quando percebi que não poderia dar seqüência a um trabalho sem aquilo, fui orar e no outro dia o encontrei - debaixo do nariz de quem estava me pressionando! Outras coisas demoram um mês; outras ainda 14 meses. Eu Já esperei 11 anos por um emprego que nunca vinha, mas ele veio. Tudo que pedimos ao Pai em oração - crendo - receberemos. Estou falando de coisas justas, necessárias e moralmente cristãs. Já testemunhei o resultado da oração de uma dirigiente de Círculo de Oração, repetida mais de 40 anos - e foi exitosa. Seu esposo incrédulo e duro de coração se converteu, batizou-se frequentou a Igreja ainda por dois anos, para só depois enfrentar um câncer e falecer.

Para alcançar uma bênção, uma vitória, é preciso dialogar com Deus. Conversar, argumentar com Ele. Separe um tempo para falar com Deus. Se a oração é a chave que move a mão de Deus e abre a porta do céu, não pode ser diferente - é preciso dialogar. Bater. Procurar. Esperar. Insistir. Deus quer que oremos e esperemos para depois aprendermos o significado da palavra gratidão. Como agradecer o que não pedimos?

Vou repetir um caso real. Pastor David Wilkerson, o homem que Deus usou para iniciar os "Desafios Jovens" ou casas de recuperação de drogados, nos Estados Unidos, conta esta experiência. No início de seu ministério, recebia reposta para todas as suas orações. Ele orava e pimba! Deus respondia; era uma maravilha. Mas esse tempo passou e ele foi "promovido" a uma nova fase de relacionamento com Deus. Agora, ele orava, mas Deus ficava completamente em silêncio e nada acontecia. Até que certo dia isto o levou a uma crise. Com o coração entristecido ele orou assim: Pai como é que o Senhor quer que minha fé cresça, se não tem respondido a mais nenhuma de minhas orações? Olha pai o tamanho da vergonha que tenho passado diante da Igreja, me sinto um terrível fracassado. E falou e reclamou demais perante Deus. Um belo dia, veio a resposta de Deus: Filho, qualquer um pode dizer que tem fé, se recebe a resposta de suas orações imediatamente depois de orar. A fé não cresce desse modo: ela cresce à medida que você confia e espera com paciência até o tempo da vitória."

Leitor, você não sabe como nosso relacionamento com o Senhor fica diferente quando a bênção vem, não importa quanto tempo leve. Depois de uma, duas três vitórias, você sabe que o Senhor não vai falhar. Sabe que ao tempo certo ela virá e não tardará. É assim que Deus quer. Que haja uma oração firme e importunante da sua boca. Não murmurando, mas pedindo e confiando. Vai chegar o dia, em que você vai abrir o seu coração e molhar com seus olhos os pés do Senhor. E neste dia aproveite para agradecer pela chegada da bênção - antes mesmo dela vir.

Hoje é o dia aceitável de você voltar a falar com Deus e romper com silêncio. Há algum pecado escondido em seu coração? Você tem murmurado da situação? Sugiro que faça as pazes com Deus; um novo concerto.

Então, em que situação você se encontra? Vá, pois, hoje ainda, e entre no seu quarto, feche a porta (Eu prefiro o sofá da sala) e converse com Deus. Firme um compromisso SINCERO e HONESTO com Ele e peça aquilo que está precisando. 


Ah! irmã(o), depois desse novo concerto com Deus, todo impedimento maligno vai embora.

Jeremias 33:3 " Clama a mim, e responder-te-ei e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes , que nãos sabes."


Se você gostou Leia mais em Mensagens de João Cruzué
.

segunda-feira, fevereiro 27, 2012

No limite da esperança




Jesus e a mulher do fluxo de sangue

Myer Pearlman

"Às vezes, Deus retarda a resposta de nossa oração para que cheguemos no limite da esperança. O Senhor não age assim com seus filhos apenas para deixá-los em suspense. Ele quer, antes de mais nada, fortalecer-lhes a fé, e deixá-los ver claramente que o socorro tem que vir somente de Deus.

Quando Jesus foi convidado para ir à casa de Jairo foi tocado pela mulher do fluxo de sangue. Jesus podia ter adiado seu entrevista com ela para depois que voltasse da casa de Jairo. Mas deliberadamente esperou até que não houvesse mas oportunidade de socorro humano àquele pai.

Quando Abraão se preparava para sacrificar Isaque, o anjo não interferiu até que o cutelo estivesse prestes a descer sobre o moço. Quando Jacó lutou com o anjo, a bênção não foi dada até que raiasse o sol. Quando Jesus esteve em Cana, só transformou a água em vinho após o suprimento ter-se esgotado.

Não temos qualquer garantia de ficarmos isentos das dificuldades desta vida, mas de uma coisa estamos certos: o Senhor estará conosco enquanto as enfrentamos. Crentes e descrentes igualmente, enfrentam as crises comuns a esta existência – adversidades, decepções, doenças e a morte. Ambos terão de passar pelos portais escuros da existência, mas aquele que anda com Jesus pode confessar: “Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal algum, porque tu estás comigo”

Na opinião dos descrentes as aparências das coisas materiais contradizem o que se diz das coisas espirituais. O lema deles é ver para crer. Mas na esfera espiritual é preciso crer para ver. O homem espiritual não é influenciado pelo que vê, mas por aquilo que crê.
"

Se creres verás a glória de Deus.


Myer Pearlman (1898 -1842) foi um judeu que se converteu a Cristo. A história de sua breve vida de apenas 44 anos, é um verdadeiro romance. Myer Pearlman, pela sua extrema simplicidade cristã e dedicado amor a Jesus, de quem foi um dos mais ardorosos discípulos, ainda vive no coração de milhares de seus admiradores.

Quando visitar uma livraria cristã, não deixe de aquirir seus livros.




cruzue@gmail.com


.

domingo, fevereiro 26, 2012

Fazendas lá e florestas aqui - A ONG dos americanos espertos


.

FAZENDAS LÁ NOS EUA FLORESTAS AQUI NO BREZIUL
(Para não esquecer)

ADP
Banner do relatório da Avoid Deforestation Partners


O mundo é dos + espertos.
João Cruzué:

Meio ambiente prá lá, meio ambiente para cá... Olha só o relatório que esta ONG americana "Avoid Deforestation Partners"  escreveu, com a sutileza de um elefante:

"The U.S. agriculture and forest products industries stand to benefit financially from conservation of tropical forests through climate policy. Ending deforestation through incentives in United States and international climate action would boost U.S. agricultural revenue by an estimated $190 to $270 billion between 2012 and 2030. This increase includes $141 to $221 billion in direct benefits from increased production of soybeans, beef, timber, palm oil and palm oil substitutes, and an estimated $49 billion* savings in the cost of complying with climate regulations due to lower energy and fertilizer costs resulting from the inclusion of relatively low-cost tropical forest offsets. Climate legislation currently under consideration in Congress includes provisions to unlock these benefits for U.S. agriculture through a combination of tropical rainforest offsets and by setting aside allowances for tropical rainforest conservation. Combined with anticipated comparable action by other developed countries, these policies aim to cut tropical deforestation in half by 2020 and eliminate it entirely by 2030."

Tradução parcial

"A agricultura e a industria madeireira americana tende a se beneficiar financeiramente da conservação de florestas tropicais através de politicas climáticas. Colocando um fim no desmatamento através de incentivos em ações climáticas nos Estados Unidos e no exterior poderia turbinar as receitas americanas em cerca de 190 a 270 bilhões de dólares entre 2012 e 2030. Este aumento inclui entre 141 a 221 bilhões de dólares em benefícios diretos na produção de soja, carne, madeira, óleo de palma e óleos substitutos, etc." (Tradução de João Cruzué)

ADP
Complemento do primeiro banner

Adivinha quem está financiando muitas ongs no Brasil que contratam e treinam jovens ambientalistas brasileiros para enviá-los como apóstolos da defesa de nossas florestas? É claro que você já desconfiava: As associações americanas que defendem os interesses das Industrias americanas de carne, plantadores de soja, de algodão, as indústrias madeireiras e os criadores de gado. Respeitando as pouquíssimas exceções que devem existir.

É claro que desmatar é dar um tiro no pé. É preciso planejar o uso sustentável das florestas e ao mesmo tempo desconfiar de tanta generosidade e preocupação (americana) com o desmatamento no Brasil. Eles querem tirar a concorrência do caminho e sabem que o "Breziul" é uma pedra no sapato do  Tio Sam.


Fonte: ADP Report




.


sábado, fevereiro 25, 2012

População Evangélica do México cresce 72% em 10 anos

.
Mexico
População Religiosa do México - Censos 2000 e 2010

Por João Cruzué
También en español

Em homenagem aos irmãos mexicanos leitores do Blog Olhar Cristão, procedi uma pesquisa nas páginas do INEGI -  Instituto Nacional de Estadística y Geografía, similar mexicano do nosso IBGE, em busca de dados sobre religião nos censos de 2000 e 2010. Trabalho semelhante ao que venho fazendo e publicando no Brasil desde 2009.

Com base em dados publicados pelo Instituto Mexicano elaborei uma tabela para transformar dados em informações. Informações inéditas produzidas em primeira mão.

A primeira informação produzida com base nos números da tabela:  Em relação a participação total,  a população católica caiu 5 pontos porcentuais em 10 anos (2000 a 2010) -  de  89,08%  para 84,21%.  Em termos quantitativos  cresceu 12,87%; de  74,6  para 84,2 milhões de fiéis. Menos que o crescimento total da população, de  15,24%.

Segunda informação: No mesmo período, a população protestante/evangélica avançou  2,42%.  De 5,26% para  7,68% de participação na população pesquisada.  Em termos quantitativos cresceu 72,19%. Quase que dobrou: De  4,4  para 7,6 milhões de crentes. 

Terceira: Números  muito semelhantes aos do Brasil da década 1971 - 1980 , quando saímos de 4,8 para 7,8 milhões de crentes.  Numa análise ingênua dos números, o México evangélico está 30 anos atrás em relação ao Brasil. A diferença é que enquanto crescemos  1,46% na década de 70 no Brasil, o México avançou  quase o dobro: 2,42%.

Quarta: O seguimento dos "Bíblicos Não Evangélicos" (Mormons, Adventistas, Testemunhas de Jeová) representam 2,35% da população mexicana em 2010.  Protestantes/Evangélicos e Bíblicos não Evangélicos representam 10,04%.

Quinta: Com base nestes números, e a semelhança do que aconteceu nas últimas três décadas no Brasil, posso fazer a seguinte projeção: Entre 2011 - 2020 a população protestante/evangélica pode dobrar outra vez no México, crescendo dos atuais 7,6 para 15 milhões de crentes. De 7,68 para 11,6%.  Os católicos devem continuar caindo, de 84,21% para 72,4%.

Por fim, o fenômeno do crescimento  evangélico (de maioria pentecostal) no México, como em toda  América Latina é irreversível, pois  o esforço de evangelização e a descentralização da Igreja evangélica são bem mais eficientes e efetivos do que a perfórmance da Igreja Católica Romana.

Data: 25.02.12
Publicado originalmente para Blog Olhar Cristão
Autoria: João Cruzué

También en español





sexta-feira, fevereiro 24, 2012

Pastor Youcef Nadarkhani a um passo da forca

.


Pastor Youcef Nadarkhani e família

Stefan J. Bos*

Tradução de João Cruzué

O Pastor [unitariano] Youcef Nadarkhani, diante da  morte imimente, pediu à esposa que exortasse sua Igreja a permancer firme em Cristo, logo depois que a Suprema Corte Iraniana, aparentemente, ordenara  sua execução; disse um obreiro  dessa  Igreja ao correspondente  da BosLife em Tehram.

Pr. Nadarkhani ainda estava vivo na quarta-feira passada, 22.02.2012, sendo ainda incerto o dia do seu enforcamento, sob a acusação de "apostasia" ou abandono do Islã. Confirmou o pastor  F. Khandjani, membro do Conselho da Igreja do Irã.

A prisão de Lakan, próxima da cidade de Hasht onde mora o pastor é vista pelos ativistas  como um lugar notório pelo desrespeito aos direitos humanos, com enforcamentos sigilosos sem julgamentos justos. Entretanto, ao pastor Nadarkhani, por ser casado e ter dois filhos, foi permitido receber a visita de sua esposa anteontem, 22 de fevereiro de 2012.

Ele nada disse para ela sobre a sentença de enforcamento ordenada pela Corte. Entretanto ele [pediu] para exortar a Igreja para ficar firme em Cristo, disse um oficial dessa Igreja. Um advogado do Pastor Youcef Nadarkhani foi informado sobre a ordem de execução, apesar da equipe de defesa ainda não ter recebido uma notificação oficial da Corte.

SISTEMA JUDICIAL RESERVADO 

Khandjani disse, porem, que as cortes iranianas nem sempre seguem seus próprios ritos, que são conhecidos com um sistema judicial extremamente reservado.

Ele disse que a Igreja teme que a execução seja quase inevitável, uma vez que o pastor tem se recusado a se reconverter ao Islã.  Ele recentemente foi arguido pela Corte a reconhecer o profeta Maomé com um mensageiro de Alá. No entanto, o Pastor Nadarkhani se recusou a fazer isso, por que ele não quer negar sua fé em Cristo. Então, veio a ordem de sua execução.

Pr. Youcef Nadarkhani está detido desde 2009, quando foi preso en Rasht por fazer de sua casa um local de cultos. A corte regional de Gilan sentenciou Nadarkhani à morte em novembro de 2010, sob a acusação de "apostasia" ou abandono do Islã.

Seu apelo contra aquela regra não foi acolhido em 2011.  A Suprema Corte sentenciou "ele pode ser executado", mas emendou que primeiro iria requerer um re-exame pelo Corte Regional de Gilan que já tinha sentenciado o pastor à morte. 

Na verdade, informou o pastor  F. Khandjani,  a Suprema Corte do Irã simplesmente acordou a  sentença de morte inicial, por enforcamento, emitida pela Corte regional  de Gilan.


Tradução de João Cruzué em 24.fev.12, para o Blog Olhar Cristão.


Correspondente internacional-chefe da Agência Cristã de Notícias BosNewsLife

Comentário do Blogueiro: Há muitas notícias sobre o Pr. Nadarkhani na Internet. A penúltima informação, de novembro/11, dizia que ele estava com problemas de saúde na prisão. Pesquisei mais a fundo usando fontes do idioma inglês.  A mais atualizada, com grandes possibilidades de ser autêntica, infelizmente, traz essa notícia ruim, confirmando o que foi publicado no site farsi.net, porém com mais detalhes. O autor desta reportagem que traduzi, pelo que entendi, foi até o Irã para tirar esta história a limpo. (João Cruzué)




quarta-feira, fevereiro 22, 2012

O tempo da grande virada

.
Ponto de Inflexão
 
Ponto de Inflexão
João Cruzué


Quando estava no segundo ano da faculdade, o professor de matemática ensinou sobre o famoso ponto de inflexão da parábola. Em nossa vida cotidiana, à semelhança de uma parábola, também existe o momento da virada, em que nós paramos de descer e começamos a subir. Um exemplo muito real desta situação aconteceu com Davi, e ele está registrado em I Samuel 30.6. Recordo que este texto bíblico  foi muito útil para mim durante uma época muito difícil, tempo que passei por uma  provação de 11 longos anos de desemprego.

A luta com Golias trouxe fama para o jovem Davi. A partir daquele dia, ele começou a ser visto com um olhar de ciúmes pelo rei Saul. Foram muito poucos os  dias da sua  fama no palácio real. Caçado como um animal, fugindo da morte, Davi escreveu os versos: Como o cervo brama pelas correntes das águas, assim suspira a minha alma por ti, ó Deus! "Salmo 42:1".

  O cervo era o orix, um animal que se escondia nas mais altas rochas dos montes de Israel para  fugir dos caçadores. Quando estava no limite da morte pela sede, ele descia do monte bramando de angústia diante dos caçadores, em busca de água. A sede extrema o obrigava se expor, mesmo sab
endo que seus algozes estavam à espreita.

Davi conhecia na própria pele essa angústia.
Ele foi descendo pela curva da parábola. Do matador de gigante a um foragido. De libertador a uma ameça. O diabo sabia do propósito de Deus para a vida de Davi e procurava levá-lo a  erro para matá-lo pelas mãos de Saul. Davi era ungido de Deus, mas seus dias de glória ainda estavam no futuro. Quanto ao presente,  andava se escondendo em cavernas
,  desertos e até morando com o inimigo: Os filisteus.












Não se iluda. Para conquistar uma grande bênção, Deus nos permite matricular na faculdade das aflições. Se você tiver atitudes, disciplina e muita paciêcia, pode correr o risco de abandonar a luta a poucos dias da vitória. Quando mais insuportável ficam as provações, menos dias faltam para o momento da virada.  Não tem jeito, só dá para descobrir insistindo - principalmente em oração, que é o exercício físico da alma.


A Davi foram se juntando os homens aflitos, endividados, amargurados - cerca de 400 homens.
O momento da virada na sua vida aconteceu quando  passava por uma aflição duríssima. Depois dela, a providência de Deus mudou a sua sorte.

Estando fora da cidade onde pousavam, vieram os  amalequitas e deram com ímpeto sobre a cidade de Ziclague, incendiando todas as casas e levando cativas as famílias de Davi e de seus 40
0 seguidores.

Quando estes homens viram a cidade queimada, saqueada, as famílias levadas cativas, entraram em um desespero tão grande que deciram apedrejar Davi. Eles o culpavam pela má sorte. Seguiam um homem azarado.


Enquanto eles procuravam por pedras, Davi chegou ao seu limite. 


Mas ele era diferente. Mesmo naquela hora de desespero ele tomou a decisão certa: Foi buscar a face do Senhor. Mandou chamar o sacerdote Abiatar, el colocou o éfode, e Davi consultou ao Senhor.

--Perseguirei e alcançarei esses amalequitas? E o Senhor respondeu: Persegue, porque, decerto, os alcançarás e tudo libertarás! E se cumpriu.

Ah! meu amigo leitor, como esta palavra fez bem ao  coração em meus dias de aflição!

Foi naquele momento, que Davi enfrentou a última prova, antes de seguir para um reinado de 40 anos. O diabo apertou Davi na beira do "precipício", mas saiu "derrotado" porque Davi em vez de murmurar, blasfemar, desesperar-se, ele foi buscar a presença do Senhor.

Foi ali o grande momento de virada na vida de Davi. Ali, ele parou de descer e começou a subir de novo. Dias depois, Saul morreu. Davi foi aclamado rei de Judá. Sete anos mais tarde, rei de todo Israel.

Ele tinha razão, quando escreveu:" Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia. Pelo que não temeremos, ainda que a terra se mude, e ainda que os montes se transportem para o meio dos mares. Salmo 46, 1-2.

Se você ceder ao desespero diante do seu limite, seu adversário - o diabo, vai se alegrar, vai gargalhar às escondidas, enquanto você pode estar culpando Deus pela derrota. Mas, se em lugar de desesperar-se, você se levantar da poeira e buscar a presença de Deus, como Davi buscou, quem vai beijar a poeira vai ser o adversário!


Irmão/irmã quem sabe você esteja diante da maior provação da sua vida, igual a que  Davi passou em Ziclague?

Fique firme! Se já veio batalhando até aqui, caminhe mais um pouco. Lembre-se do que o apóstolo Paulo falou sobre o atleta que se priva de tantas coisas se aprimorando para correr a maratona. A coroa do ganhador só é dada no final da corrida. E você pode ser o grande vencedor.

Na  angústia extrema, sobre qualquer ciscunstância, e diante de qualquer problema, não se despespere,  não saia correndo, nem jogue tudo para o alto.  Estes momentos costumam acontecer bem próximo dos dias em que Deus vai  cumprir na sua vida as promessas que Ele fez. Basta ter um pouco mais de paciência. Continue na maratona. Ore ao nosso Paizinho Celestial para vencer as provações de mais um dia. E de mais outro. Contra todas as circustâncias  espere no Senhor. Clame ao Senhor.


Vai chegar um momento que o Senhor vai olhar para você e colocar um ponto de inflexão positivo em sua vida. Você vai parar de descer e vai começar a subir. Não se esqueça de que quando mais fundo for o poço, mas profundas serão as raízes que vão sustentar as maiores  bênçãos da sua vida.

Aconteceu comigo, e também vai acontecer na sua vida.

Ô Glória! 




segunda-feira, fevereiro 20, 2012

Missões Evangélicas - fonte para pesquisa de dados sobre nações




Dados de todos os países do mundo

Por João Cruzué

Onde: Site do Departamento de Estado Americano

Idioma: Inglês

Endereço: www.state.gov

Selecione o país - clique no link para abrir

Depois pesquise em: Background Notes

Tipo de informação: tudo.

Exemplos: background notes da India e da Guiné Bissau






.

Procuradoria da República Federal processa Pr. Silas Malafaia


AÇÃO CIVIL PÚBLICA COM PEDIDO DE LIMINAR
0002751-51.2012.4.03.6100
Assinada pelo Procurador
JEFFERSON APARECIDO DIAS
Data: 16.02.2012


MPF-Procuradoria da República Em São Paulo

Assessoria de Comunicação*

"16/02/12PRDC quer que programa evangélico exibido pela Band veicule retratação por comentários homofóbicos.

Pastor Silas Malafaia defendeu “baixar o porrete” em participantes da Parada Gay; retratação deve ter, pelo menos, o dobro do tempo usado no comentário preconceituoso.

A Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão em São Paulo quer que o programa “Vitória em Cristo”, exibido pela Rede Bandeirantes, veicule uma retratação pelos comentários homofóbicos feitos pelo pastor Silas Malafaia, no programa de 02 de julho de 2011. Utilizando gírias de baixo calão, o pastor defendeu “baixar o porrete” e “entrar de pau” contra integrantes da Parada Gay. A retratação deverá ter, no mínimo, o dobro do tempo utilizado nos comentários preconceituosos. A ação foi proposta hoje e tramitará em uma das varas cíveis da Justiça Federal de São Paulo.

“Os caras na Parada Gay ridicularizaram símbolos da Igreja Católica e ninguém fala nada. É pra Igreja Católica 'entrar de pau' em cima desses caras, sabe? 'Baixar o porrete' em cima pra esses caras aprender (sic). É uma vergonha”, afirmou o pastor evangélico, durante o programa. A associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais protocolou reclamação no Ministério Público Federal, o que motivou a abertura, pela PRDC, de um inquérito civil público para apurar o caso.

No curso do inquérito, Malafaia explicou à PRDC que tinha feito uma “crítica severa a determinadas atitudes de determinadas pessoas desse segmento social, acrescida também de reflexão e crítica sobre a ausência de posicionamento adequado por parte das pessoas atingidas”. E defendeu que as expressões “baixar o porrete” ou “entrar de pau” significam “formular críticas, tomar providências legais”.

Para o Procurador Regional dos Direitos do Cidadão, Jefferson Aparecido Dias, as gírias têm claro conteúdo homofóbico, por incitar a violência em relação aos homossexuais. “Mais do que expressar uma opinião, as palavras do réu em programa veiculado em rede nacional configuram um discurso de ódio, não condizente com as funções constitucionais da comunicação social”, disse.

Durante o inquérito, Silas Malafaia pediu a seus fiéis, através do site “Verdade Gospel”, que enviassem e-mails em sua defesa ao procurador da República responsável pelo caso. Centenas de e-mails e correspondências foram, então, enviados ao gabinete de Dias. “Da mesma forma que seus seguidores atenderam prontamente o seu apelo para o envio de tais e-mails, o que poderá acontecer se eles decidirem, literalmente, “entrar de pau” ou “baixar o porrete” em homossexuais?”, questiona o procurador.

Dias afirma que, como líder religioso, Malafaia é formador de opiniões e moderador de costumes. “Ainda que sua crença não coadune com a prática homossexual, incitar a violência ou o desrespeito a homossexuais extrapola seus direitos de livre expressão”, argumentou. Por isso, a importância da retratação de seus comentários homofóbicos diante de seus telespectadores, além da abstenção de veicular novas mensagens homofóbicas.

A ação também é movida contra a TV Bandeirantes, a quem cabe evitar que outras mensagens homofóbicas sejam exibidas, além de veicular a retratação pedida pela PRDC. “A emissora é uma concessionária do serviço público federal de radiofusão de sons e imagens e deve compatibilizar sua atuação com preceitos fundamentais como o direito à honra e à não discriminação”, defende a ação.

“Ainda que haja a liberdade de culto e a liberdade de expressão, também previstas na Constituição Federal, a manifestação do pensamento não pode ser utilizada como justificativa para ofensa de direitos fundamentais alheios”, afirma o procurador.

A PRDC pede que seja concedida liminar para que Silas e Band sejam obrigados a se abster de exibir novas agressões verbais. Ao final da ação, uma vez condenados o pastor e a emissora, o MPF requer que o programa evangélico e a emissora sejam condenados a exibir, imediatamente, a retratação.

Dias lembra que a TV está presente em pelo menos 90,3% dos municípios brasileiros. “Trata-se de número enorme de pessoas expostas ou passíveis de exposição a manifestações de cunho homofóbico ou que incitem a violência de homossexuais”, afirma. Para ele, a demora judicial pode permitir que o réu continue “propagando tais mensagens, atentando continuamente contra direitos fundamentais de homossexuais”.

A ação também pede que a União seja condenada a, por meio da Secretaria de Comunicação Eletrônica do Ministério das Comunicações, fiscalizar a referida exibição.
"

Leia aqui a íntegra da ação nº 0002751-51.2012.4.03.6100

Assessoria de Comunicação
Procuradoria da República no Estado de S. Paulo
Mais informações à imprensa: Elaine Martinhão e Marcelo Oliveira
11-3269-5068/5368
ascom@prsp.mpf.gov.br
www.twitter.com/mpf_sp


Comentário do Blogueiro: Os evangélicos, que estão acostumados a ouvir o Pr. Silas, sabem interpretar de fato o que ele quis dizer. Tanto é verdade que não houve um único incidente de crentes distribuindo bordunadas em homossexuais. Pelo contrário, o tratamento sempre foi respeitoso.

Por outro lado, o Pr. Silas, há muito deveria saber que palavras como "baixar o porrete", "palhaços", "vagabundos" e outras o gênero, não devem sair da boca de nenhum crente, que dirá de um Pastor.
A Bíblia é bem clara neste ponto: "Nenhuma palavra torpe saia da vossa boca; só a que for para edificação". Sou contribuinte do ministério do Pastor, daí, critico e tenho o direito de baixar "o porrete" (entenda-se: A língua) nas "costas" dele. Resumindo: Quem fala demais... acaba arranjando "sarna" para se coçar.


Quanto à liderança do movimento GLTB, acostumada a vilipendiar a religião e ícones dos outros, que se cuide. De agora em diante, podem levar uma enxurrada de processos para cada desrespeito religioso que praticarem. Está ficando cada dia mais do que evidente que essa liderança do movimento gay é useira e vezeira em discriminar crentes e ofender a Bíblia Sagrada.
(João Cruzué)






Ministério Público SP processa Pr. Silas Malafaia por suposta homofobia

.
"Teria o Ministério Público de São Paulo achado que o PL122
foi aprovado no caso do pastor Silas Malafaia?"


Dr. Rubens Teixeira*

A Ação que o Ministério Público (MP) de São Paulo moveu contra o pastor Silas Malafaia, acusando-o de homofobia, funciona como uma forma de garantir àqueles homossexuais que querem o direito de vilipendiar a fé alheia, um salvo-conduto que lhes garanta impunidade. Se o Ministério Público quiser efetivamente fazer valer a lei, deveria mover uma ação contra os que vilipendiaram os símbolos religiosos católicos e foram denunciados pelo pastor Silas Malafaia no momento em que proferiu as palavras julgadas homofóbicas pelo MP.

O procurador disse que o pastor fez um discurso de ódio porque criticou a ação daqueles homossexuais que foram desrespeitosos com os símbolos da fé católica. O procurador entendeu que algumas expressões proferidas pelo pastor foram homofóbicas. Nesta ação, este procurador usou entendimentos contidos no PL122 que não foi aprovado no Senado Federal. Portanto não é lei. Como este membro do MP é formado em Direito, sabe que a sua alegação não procede e o seu desejo de conseguir uma condenação do pastor vai além das letras da lei. Certamente ele faz parte da minoria que gostaria de ver o PL122 aprovado na forma que se originou. Como vivemos em uma democracia e ele é obrigado a defender a Lei, deveria ser mais cuidadoso na aplicação de suas opiniões e não tomá-las como leis antes de o Congresso Nacional aprová-las e serem sancionadas.

O procurador teria alegado, segundo a matéria, que “As gírias ‘entrar de pau’ e ‘baixar o porrete’ têm claro conteúdo homofóbico, por incitar a violência em relação aos homossexuais”. Se ele acredita nisso mesmo, deveria processar todas as pessoas que se utilizam dessa expressão, não só contra os homossexuais. Pelo que parece, expressões dessa natureza são frequentes em programas de rádio de TV, especialmente em programas policiais, e, pelo que sei, seus apresentadores não costumam ser processados por tal procurador.

É da responsabilidade do emissor da mensagem esclarecer o que quer dizer e não terceiros atribuírem interpretações ao pensamento alheio, contrariando o que o emissor pretende transmitir. Assim, o pastor Silas Malafaia explicou que “baixar o porrete” ou “entrar de pau” significam “formular críticas, tomar providências legais”. Certamente o procurador não definiria as opiniões de qualquer pessoa melhor que a própria pessoa.

Segundo a matéria, o procurador alega que, durante o inquérito, o pastor pediu que os fiéis da sua igreja enviassem e-mails ao responsável pelo caso. Alega ainda que recebeu centenas de mensagens. E conclui: “Da mesma forma que seus seguidores atenderam prontamente o seu apelo para o envio de tais e-mails, o que poderá acontecer se eles decidirem, literalmente, “entrar de pau” ou “baixar o porrete” em homossexuais?”

Ora, se o procurador acredita mesmo que os fiéis atendem os apelos do pastor, porque estes tais seguidores do pastor Silas não “caíram de pau” e nem “baixaram o porrete nos homossexuais” conforme teria sugerido o seu entendimento da mensagem do pastor? Pois é, procurador, é que os fiéis, que efetivamente seguem os conselhos dos pastor Silas Malafaia, entenderam, diferente do senhor, que esta expressão não envolvia ódio nem agressão, mas sim uma referencia às medidas legais cabíveis que o caso requer em relação aos homossexuais que vilipendiaram símbolos católicos, não aos demais homossexuais que nada tem a ver com aquela vergonha desprezada por alguns que deveriam ter agido para cobrar responsabilidades.

Portanto, a interpretação do procurador é contraditória. Diz que os seguidores do pastor Silas Malafaia obedecem os seus apelos, mas não teriam obedecido dessa vez. Quando diz que poderá acontecer, está querendo que os seguidores do pastor entendam da forma dele, não da forma que eles mesmos entendem costumeiramente. Parece querer que o pastor Silas Malafaia seja condenado por uma situação hipotética (poderá acontecer se eles decidirem, literalmente, ‘entrar de pau’, ou ‘baixar o porrete’ em homossexuais) desprezando as evidencias claras de que não houve qualquer repercussão de violência sobre os homossexuais por conta das declarações do pastor.

Assim, seria melhor, então, em defesa da do bom Direito, que prevaleça a verdade e que o Estado Brasileiro não ataque os direitos sagrados de opinião e de expressão, e não seja questionado como violador de direitos humanos fundamentais. Seria melhor defendermos a lei e a verdade e, especialmente quando tivermos o dever, proteger a liberdade religiosa e seus símbolos, para que o Estado Brasileiro não seja considerado leniente na defesa da liberdade religiosa e dos símbolos religiosos.

* Rubens Teixeira é Bacharel em Direito (aprovado para a OAB/RJ), doutor em Economia, mestre em Engenharia Nuclear, pós-graduado em auditoria e perícia contábil, Engenheiro de Fortificação e Construção, bacharel em Ciências Militares, professor, escritor, pastor evangélico, membro da Academia Evangélica de Letras do Brasil e da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra.



Comentário do Blogueiro: Como a Igreja Católica ficou quieta depois do vilipêndio recebido, os vilipendiadores sentiram-se encorajados para processar religiosos. Creio que a Igreja errou. Não é para todo tipo de agressão que se deve oferecer a outra face. Cristo tanbém disse que não se deveria jogar pérolas aos porcos. (João Cruzué)

Fiz a pesquisa na página do Ministério Público Federal. O teor da Ação está nesta página: PRSP




.

sábado, fevereiro 18, 2012

Cinco segundos

.

Susan Boyle, 47 e desempregada
.
João Cruzué

Quando um dos três apresentadores do "Britain's Got a Talent" perguntou para Susan Boyle qual era seu sonho, ela respondeu que estava tentando ser uma cantora profissional. Neste exato momento, uma das câmaras filmou as expressões de desaprovação e descrédito no rosto de uma jovem que estava na plateia.


E o mesmo apresentador lhe fez mais uma pergunta: Por que ela ainda não tinha conseguido sucesso. Ela respondeu que ainda não tinha conseguido uma chance verdadeira, e esperava que isso mudasse.

E mudou.

Bastaram cinco segundos cantando "I dreamed the dream" de Claude Michel Schomberg, baseado no romance épico Les Miserables, de Victor Hugo, para que Deus concedesse a chance que ela pediu, antes de cantar. Seu primeiro álbum vendeu 8 milhões de cópias na primeira semana, desbancando um récorde de Whitney Houston que durara 20 anos.

Por outro lado, também vou falar de outros cinco segundos. Agora, há pouco, estava assistindo a saída do caixão, do velório de corpo presente, da mesma Whitney Houston de uma Igreja Batista em Newark/NJ. Ao todo ela ganhou 311 prêmios. Foi protagonista do Filme "Bodyguad" ao lado de Kevin Costner. Era filha de uma cantora gospel e era dona de uma das vozes mais bonitas do mundo. Mesmo com tudo isto, morreu na banheira de um hotel, sozinha e infeliz.

Tinha tudo o que Susan Boyle jamais sonhara. Beleza, sucesso e charme. Mas bastaram cinco segundos de crack para que perdesse o céu e conhecesse o inferno que está droga maldita traz. Eu já conheço a foto abaixo, há pelo menos uns três a quatro anos. Ela diz tudo.

Supostas fotos de Whitney Houston - antes, e depois.


É por isso que na Bíblia está escrito: "E Deus escolheu as coisas vis deste mundo, e as desprezíveis, e as que não são, para aniquilar as que são."




Minha leitura do pedido de perdão do Ministro Gilberto Carvalho

.
Ministro Gilberto Carvalho (2º à direita) se desculpando
perante congressistas evangélicos

.
João Cruzué

Tenho acompanhado de perto a cizânia que o Ministro da Secretaria Geral, Gilberto Carvalho, acendeu no arraial evangélico depois de sua fala no Fórum Social de Porto Alegre. Li sobre o assunto no blog de Julio Severo , no Blog de Reinaldo Azevedo na revista Veja, além de ter ouvido bastante nas Rádios CBN e Band News, de São Paulo. Quem quiser saber mais detalhes do assunto também deve ler o que está no Blog do Deputado Federal evangélico Anthony Garotinho.

Bem, parece que estou vendo o repeteco de um velho filme onde o primeiro protagonista foi mandado à lona há muito tempo. Estou falando do antigo príncipe da elite evangélica dos anos 90s - Rev. Caio Fábio. Só que desta vez, outro esta seguindo os mesmos passos dele. Quem? Rev. Silas Malafaia. Para onde? Para beijar as mãos dos irmãos Marinho. I-gual-zi-nho!

Sendo mais claro. O que o petista deixou escapar imprudentemente no Fórum Social de Porto Alegre, com certeza, é parte de um plano tecido, no mínimo, para escandalizar a comunidade evangélica e tangê-la de volta a sua antiga e alienada posição, em que pastores e crentes repetiam em coro que "política é coisa do diabo".

Com uma população que deve bater na casa dos 25% até 2020, a consciência de cidadania dos evangélicos é cada vez maior. Tem havido escândalos? Tem! Mas, no meio envangélico, quem se corrompe na política não tem segunda chance.


Desde a reeleição de Fernando Henrique Cardoso, passando por Lula e Dilma, a Presidência só foi conquistada por eles, pela força do voto evangélico. Mas este voto evangélico agora está trazendo dores de cabeça aos líderes históricos do PT, porque a cada eleição eles dependem mais e mais do voto evangélico. Isto ficou por demais evidente, no último pleito presidencial, quando a então candidata Dilma firmou um compromisso com as lideranças políticas evangélicas.

Pelos arroubos do discurso do Ministro Gilberto Carvalho lá em Porto Alegre pode-se estimar que muitos pastores e líderes evangélicos devem colocar a barba de molho, pois assim como encheram a bola e depois foi desmoralizado o príncipe presbiteriano, Fábio - O grande, com certeza está vindo chumbo do mais grosso para cima de grandes nomes assembleanos. A começar pelo Pr. Silas Malafaia. Suspeita minha.

De que outra forma o pensamento de Gilberto de Carvalho dentro do PT vai lidar com o "excesso" de influência da Igreja Evangélica (leia-se Assembleia de Deus) na classe "C", a não ser pela demonização e desmoralização de seus líderes?


Daí, quando presunçosos Pastores e Reverendos se preocupam mais com política e menos com o Evangelho, não se pode esperar boa coisa do futuro. Quem tiver juízo que ouça no seu travesseiro a voz do Espírito Santo. O que Gilberto Carvalho falou não é nem a ponta do iceberg que já planejaram.

Assim como em essência não há milagre que misture gasolina e água, é loucura pensar que possa acontecer um amálgama entre Jeová e o PT. Se João Paulo II custou a libertar a Igreja Católica da América Latina da influência comunista da Teologia da Libertação, por que motivo agora a maioria das lideranças das Igrejas Evangélicas querem voltar pelo caminho que conduz ao "Egito"?







Estratégias de um Blogueiro Evangélico


.
A mídia sob o impacto do Caso Eloá

.
Caso Eloa
Efeito Eloá

João Cruzué

Meus amigos já conhecem meu empenho na blogosfera evangélica para conscientizar cada líder da Igreja cristã a publicar conteúdo bíblico na Internet. Mas talvez não saibam que é mais fácil conscientizar uma pessoa descrente do que tirar da zona de conforto os irmãos em Cristo que insistem em manter alguns talentos enterrados.

Falar é uma das maiores bênçãos que nós temos; o mundo fala dezenas de milhares de línguas e dialetos. Mas ler e entender bem os textos, é o nos capacita para expulsar a ignorância, a miséria e depois a pobreza do seio de nossas famílias. Pois muito bem, e o que vamos ler?

Por uma questão de passividade somos levados a ler e ouvir o que os outros planejam e escrevem. De longe, a palavra escrita é o meio que mantém e empurra a cultura de um povo para cima. Os que lideram são formadores de opinião. A formação de opinião de massa, hoje, depende de planejamento, estratégia, tecnologia e palavras.

Antes da realidade, vêm os sonhos. Um dia eu digitei "church" no barra de navegação do meu computador. Diante de mim se abriu uma página da igreja satânica e eu não estava preparado para aquela surpresa. Refeito da surpresa, eu pensei: Como este povo crente é lerdo... Anda a reboque até da igreja do diabo em questões de uso da tecnologia.

Esta foi, depois do gosto pelos computadores, a causa que me levou a aprender como se cria e edita um blog para que outros não continuassem a abrir páginas de igrejas satânicas - como eu. Sim, porque depois da reflexão daquele fato, descobri que eu fazia parte dos lerdos.

Estou publicando conteúdo cristão desde 2004. No Blogger do Google desde 2005. Ajudando amigos a publicarem textos na Internet desde 2006. Promovendo a causa com o "Prêmio Blogueiro Cristão" desde 2007. A internet é um novo mundo ainda não totalmente explorado. É o chamado mundo virtual. Mas é um mundo virtual que produz grandes mudanças reais. As empresas vendem, os bancos emprestam, o poder público presta contas, as universidades ensinam à distância. A Igreja do Senhor Jesus não pode ficar a reboque de um ceticismo arcaico, sempre rotulando o que não compreende como "coisa do diabo".

Indo ao ponto. Sempre repeti que nós, blogueiros cristãos, devemos escrever sobre tudo, usando como ferramental a melhor tecnologia combinada com nossa cultura bíblica. Não deixando de comentar e interpretar fatos e notícias de grande interesse popular. Eu descobri que o crescimento médio das visitas em nossos blogs se dá em patamares ao longo do tempo.

Você não precisa fazer de seu blog uma vitrine apenas de assuntos de grande interesse popular. Todavia, você potencializa as visitas de seu blog quando leitores diferentes acessam suas páginas em busca de uma matéria que você escreveu ou comentou. A maioria deles não volta, mas fica um efeito residual. É por isso que a visita de seu blog cresce em "shifts" - patamares.

Eu comecei com as fotos da Igreja Subterrânea da China. Publique as primeiras fotos da Manifestação Evangélica do Pr. Silas em Brasília em junho de 2008. Escrevi sobre o desaparecimento do garotinho Lucas. Mas o que mais me chamou atenção foi a explosão na mídia do caso do sequestro da adolescente Eloá, de Santo André, em meados de outubro de 2008. Na ocasião o contador de visitas do Blog Olhar Cristão chegou a mostrar 102 visitas online e o total de 8.252 visitas no dia 20.10.2008, contra um patamar diário de 600 visitas.

Qual não foi o meu espanto, nesta semana (12 a 17 de fevereiro 2012), período em que se deu o julgamento de Lindemberg Alves, réu do caso Eloá. Eu que não imaginava ver tão cedo 102 visitas online, me deparei com o nervosismo do meu contador de visitas. Na segunda-feira, ele chegou à 91 visitas online. Na terça e na quarta à 144, à noite. Na quinta-feira, quando eu pensei que o interesse popular tivesse arrefecido, meu olho se arregalou quando as visitas ultrapassaram 200 visitas. Depois chegaram à 300; alcançaram 400 e ás 20:53, no meio do Jornal Nacional, o ponteiro das visitas online do "Among Us" bateu em 410 visitas online.

Efeito Eloa
Blog Olhar Cristão - dia 16.02.12, às 20:53 h

Resultados da quinta-feira, 16 de fevereiro 2012: 14.779 visitantes, 26.546 e páginas visitadas. você pode conferir na figura do início do post. Aí, você vai me perguntar: Irmão João, quais foram os posts mais visitados por esta gente. Eu respondo: Basicamente foram dois textos de outubro de 2008. Coisa de quase quatro anos atrás. E como eles chegaram até eles? Eu também respondo: Através de três simples fotos, posicionadas em primeiro lugar, na Busca do Google para a tag "Eloá Pimentel."

Analisando o caso. Estou perfeitamente consciente que a maioria daqueles 14.779 visitantes do dia 16 de fevereiro, nem tão cedo, vão voltar ao Blog Olhar Cristão. Isto é fato. Como também é fato, que uma minoria volta. Foi somando minorias que cheguei à média diária de 1.400 visitas. Do ponto de vista dos números, é uma performance pífia, comparando com as centenas de milhares de visitas que os blogs de futebol, novelas, reallitys shows alcançam. No entanto, como um blog religioso não faça tão feio. Estou satisfeito? Não. Em 2008, alcancei 8.252 visitantes em um único dia. Em 2012, cheguei a 14.779 no dia 16 de fevereiro. Mas qual é a vantagem prática nisso tudo? Também vou responder.

Eu escrevo mensagens bíblicas. Dou testemunhos do que Deus fez em minha vida. Como pregador de púlpitos sou bem medíocre. Mas quanto a escrever e publicar textos na Internet, não. Eu sei muito bem que neste espaço virtual há bilhões de usuários. Também sei que a Palavra escrita, quando ela é mesmo escrita sob a inspiração de Deus, o Espírito Santo vai e a coloca diante dos olhos ou ouvidos de quem suspira por DEUS. Ela vai e prospera naquilo para que foi enviada. A mim me compete escrever e deixar à disposição do Espírito Santo. É exponencialmente maior o potencial de pregação no mundo virtual que no meio real.

Além disso, coloquei em meu blog em um botão bem pequeno a palavra "conselhos". Eu recebo muitos emails solicitando aconselhamento. E em nenhum momento me esqueci de que não existe igreja virtual. Se não houver uma Igreja real, pastores reais, batismos reais, arrependimento real, conversão real, discipulado real - a obra de Deus fica só no faz de contas.

Contudo, ainda não inventaram meio mais eficiente de evangelizar e dizer que Jesus é a maior expressão do amor de Deus do que a Internet. O potencial desta comunidade de computadores é atingir 7 bilhões de pessoas nos próximos 10 anos.

E como estes bilhões saberão que Deus é amor e Cristo , o Salvador do Mundo, se não houver dedos que escrevam? Pense nisto! Desenterre o talento e conte conosco para compartilhar o que aprendemos sobre publicação de conteúdo cristão a começar por um blog.

João Batista Cruzué
Associação de Blogueiros Cristãos

cruzue@gmail.com






quarta-feira, fevereiro 15, 2012

Agenda Gospel 2012

.
João Cruzué

"Estou, uma vez mais, comentando e esclarecendo sobre a AGENDA GOSPEL 2012. Um estímulo à criação e implementação de projetos pessoais evangélicos e de ação social para a comunidade evangélica planejado em 2009. Você pode abrir uma porta, criar um projeto real (não virtual) de vida, para abençoar pessoas e receber grandes bênçãos do SENHOR por isso.


1 . Quem são os responsáveis pelos projetos da AGENDA GOSPEL 2012?

Resposta: São você e eu. A Agenda é composta por projetos PESSOAIS criados sob a influência de sua leitura.


2 . O que é Agenda GOSPEL 2012?

É um conjunto de planos e projetos de cunho social, evangelístico, missionário, cultural, tecido VOLUNTARIA e individualmente, de forma conhecida ou anônima.


3 . Quem vai controlar os projetos criados sob a inspiração da Agenda GOSPEL 2012?

Sendo projetos de cunho pessoal, o controle é do próprio criador. Nem a UBE, nem o irmão João, nem qualquer outra pessoa têm interesse ou domínio sobre os projetos da Agenda. A única pessoa que espero esteja do seu projeto é o SENHOR JESUS.


4 . Quais são os objetivos da AGENDA GOSPEL 2012?

Conscientizar. Se você se mover dentro da vontade do Senhor, vai ser uma bênção para o próximo e para você mesmo. E o Senhor no tempo certo vai recompensar seu esforço VOLUNTÁRIO. Jesus discipulou os 12 futuros apóstolos em três anos. Eles viram, ouviram e aprenderam o serviço do Reino nas casas, ruas, vilas e estradas.

Sair das quatro paredes. Hoje, ensina-se muito por palavras, mas tanto conhecimento e tanto diploma não são bastantes para transformar um novo convertido em um discípulo dentro de quatro paredes, assim como um pomar, a maioria das flores precisa do ambiente externo para se transformar em frutos.

Metade do Brasil para Cristo em 10 anos. O Brasil ainda não é do Senhor Jesus. A Agenda 2012 é um martelo que repete o mesmo propósito: é possível se unir em torno do mesmo propósito em Cristo, levar o Evangelho para todos brasileiros e conquistar a metade da população para o Cristo atém 2020.

Alegria no Espírito Santo. O Espírito Santo de Deus se alegra quando um cristão está em atividade, trabalhando em alguma atividade no Reino de Deus. E Deus ama o trabalho, e não tem recompensa para o ócio.


5 . Quando começar?

Se na sua Igreja não há uma preocupação em fazer com que cada crente conheça o propósito de Deus para sua vida por falta de tempo ou prioridade, é melhor ouvir o Espírito Santo e não ficar eternamente esperando que lhe digam quando começar. As bênçãos de Deus são CONDICIONAIS e PESSOAIS; a condição é que você conheça seu ministério e trabalhe nele para a glória de Deus. Enquanto não souber como nem aonde, o nome do Senhor não será glorificado, nem VOCÊ receberá as grandes bênçãos espirituais e materiais.


6 . Para que tipo de público é a Agenda Gospel 2012.

Nem todos os cristãos têm hábito de leitura de blogs. Menos ainda são os frequentam os textos do Blog Olhar Cristão e da UBE. Portanto, creio que sejam leitores de grande discernimento e entendimento. Se isto é de Deus, vai se espalhar.


7 . Por que criar e trabalhar um novo projeto ?

Em 1995 eu levei 500 Evangelhos de S. João para três distritos policiais próximos de minha casa. Depois de seis anos (2001) recebi a primeira carta de um preso, e Deus falou comigo assim "Lança teu pão sobre as águas, e depois de muitos dias o acharás". Eu pensava que Deus se reveria apenas ao tempo passado.

Então, dois meses depois assentei-me só, de madrugada, à mesa da cozinha de minha casa. Ali orei e rascunhei um projeto de coleta de literatura usada para encaminhar à igrejas do cárcere. Eu estava desempregado havia oito anos - em abril 2008.

Minha família não aprovou. Meu pastor não me estimulou. Ele me disse claramente que não haveria nenhuma recompensa ministerial.

Mas o Espírito Santo também disse "Lança o teu pão sobre as águas..." Trabalhei no projeto com muita alegria por quase três anos. Em julho de 2003, veio meu primeiro emprego depois de 11 longos anos. Não pude mais coletar tanta literatura porque o tempo ficou curto. Hoje, janeiro 2012, eu sirvo em cargo concursado no Tribunal de Contas do Estado de São Paulo.

Agora você pode estar se perguntando: Como foi que ele recebeu está grande bênção depois de ter ficado 11 anos desempregado? Resposta: trabalhando voluntariamente em um projeto de evangelização que o Espírito Santo me deu para tocar: Literatura cristã para presos.



8. Conclusão

O que eu recebi de Deus, também estou compartilhando com você através da Agenda 2012. Se for carente das bênçãos de Deus, como eu; se estiver aflito no "deserto", como eu estive ou se escondendo na caverna, como Davi ou Elias - aprenda comigo uma lição humilde: "Lança o teu pão sobre as águas." aproveite a Agenda Gospel 2012, e crie um projeto original, pessoal. Aperfeiçoe-o de acordo com as orientações do Espírito Santo. Peça a Deus que lhe dê um olhar mais sensível às necessidades do próximo.

Quando tiver até se esquecido, uma inesperada e grande bênção vai bater a sua porta, porque Deus paga muito bem. Creia nisso!

cruzue@gmail.com


Nota: Inclui a palavra "Gospel" no título, para tornar a mensagem mais abrangente.




.

terça-feira, fevereiro 14, 2012

Veredito da condenação do assassino de Eloá Cristina Pimentel


João Cruzué

A MMª. Juíza, Dra. Milena Dias proferiu hoje a sentença de condenação do réu Lindemberg Alves Fernandes, com base na decisão dos sete jurados do Caso Eloá. O veredito contra o réu, Lindemberg Alves Fernandes, foi de 98 anos e 10 meses de condenação


Juíza, Dra Milena Dias


Eloá Cristina Pimentel da Silva


Penitenciária de Tremembé - Dr. José Augusto César Salgado



Nº do processo criminal contra Lindemberg Alves Fernandes


.
Pesquisa no TJSP por João Cruzué


PROCESSO: 554.01.2008.038755-7

Data do Fato: 17.10.2008

Fórum: Fórum de Santo André

Nº de Controle do Setor/Vara: 000459/2008

Delegacia: 6º Distrito Policial de Santo André

Data da Distribuição/Redistribuição: 23/10/2008

Juiza: Doutora Milena Dias

Réu: Lindemberg Alves Fernandes

Sentença: 98 anos e 10 meses, por 12 crimes.

Link para pesquisar o andamento do proceso:

http://www.tjsp.jus.br/PortalTJ3/Paginas/Pesquisas/Primeira_Instancia/Interior_Litoral_Criminal/Por_comarca_criminal.aspx

Preencha:
1. Fórum: Santo André
2. Pesquisa por: Réu
3. Nome do Réu: Lindemberg Alves Fernandes
4. Digite: Código Alfanumérico
5. Clique em: Pesquisar.
6. Quando abrir o resultado, clique sobre o nome LINDEMBERG ALVES FERNANDES

Print: João Cruzué
CasoEloa
Pesquisa Processo contra Lindemberg Alves Fernandes


.

domingo, fevereiro 12, 2012

A discussão do aborto no Brasil sob a ótica religiosa

.
João Cruzué

A Folha Uol publicou no Painel do Leitor a opinião da mexicana Eliane Cecco, de que a questão moral do aborto é religiosa e que o governo do Brasil, um país laico, deve fazer leis que atenda a todos. Ela iniciou dizendo assim: "Quando uma mulher pobre engravida e o responsável masculino não assume a responsabilidade (acontece na maioria dos casos) ela tem duas opções: Arriscar sua vida ao tentar abortar de maneira clandestina e barata; ou ter um filho sem pai e sem dinheiro."

E disse mais: "O que acontece na maioria dos casos é que esta criança vai ser criada na rua, pois a mãe tem que trabalhar para mantê-lo, e tem grande possibilidade de ser marginalizada. Existem estatísticas que demonstram que a maioria dos presidiários no Brasil tem somente o sobrenome da mãe."

E ainda: "Além disso, porque penalizar a mulher que aborta e não penalizar o homem que gerou o filho e não se responsabilizou? A lei que criminaliza o aborto somente penaliza as mulheres e pobres. Esta é a realidade do país".

Quero aproveitar os palpites de Dona Eliane do México, para criticar esta visão de viés notatamente totalitário. Totalitário, sim, porque observei que os pensadores socialistas priorizam a liberação do aborto. Este é o primeiro fato; podem pesquisar.


Quando os partidários do aborto colocam a questão religiosa como inimiga do estado laico, eles querem na verdade que o governo empurre goela abaixo de 90% da população uma Lei que agrada a 10% de ateus. Isto é ditadura. A citação do Estado laico é apenas uma muleta em que eles se apoiam, para dominar sobre o pensamento da maioria que é religiosa, sim.

Essa conversa fiada de que uma coitadinha cede aos encantos de um safado, e depois se engravida, e tem seu filho criado pela avó, é apenas um dos três lados da moeda. O argumento de que é melhor abortar do que ter mais um marginal na rua é o outro lado.

Um erro de comportamento não justifica automaticamente outro erro do Estado. Não se trata apenas de UMA "coitadinha."

Não é tão simples assim, Dona Eliane Cecco. Segundo as estatísticas eleitorais de 2006, muito bem interpretadas pelo ex-Ministro da Educação, Cristovam Buarque, o Brasil tem mais de 100 milhões eleitores que não chegaram ao 2º grau. Minha intuição diz que metade disso são mulheres que pertencem às classes "D" e "E". São 50 milhões de mulheres com graves problemas de renda, um mercado cobiçadíssimo por "grandes" interesses econômicos.

Minha preocupação maior não é legalização do aborto, mas com a banalização dele. De banalização em banalização a sociedade tem que arcar com novos gastos, e quer queira quer não, a religião tem um outro lado que os abortistas não gostam de mostrar. São os religiosos que há mais de um século mantêm orfanatos neste país. A senhora diz que a maioria dos que estão nas penitenciárias não têm o nome do pai na Cédula de Identidade. Isto é um sofisma. Foi a banalização do sexo, a geração do amor livre e da amizade colorida que produziu isto.


Dito isto, o assunto da legalização absoluta do aborto neste país precisa de mais reflexão, pelo que pode acontecer depois: A banalização do aborto. A perda de significado e a desvalorização da vida por quaisquer míseros dez reais, Principalmente de fetos de sexo feminino. É uma falácia dizer que uma coitadinha, uma "novinha" saliente deve abortar, porque andou ralando com um "papai" nos bailes funks e pancadões das periferias. Eu tenho certeza de que se o sexo do feto for masculino suas chances de não ser abortado são maiores.

Então, neste ponto, a questão é livrar a pele de uma mulher, enquanto aniquila a vida de outra.

E a indústria do aborto? Recentemente, uma colega nossa escreveu sobre a cultura do aborto no Japão, onde há firmes rejeições dos médicos em receitar anticoncepcionais, porque faturam fazendo aborto.

Um fato ainda pior: Na maioria dos países que legalizaram o aborto, o tempo de praticá-lo fica por volta da 12ª semana. E em se tratando de uma economia em que o faturamento vem antes do que é moral, qualquer adolescente ou senhora grávida de poucos recursos vai enfrentar, de cara, o assédio de agentes à procura de "clientes" para seus médicos. Se isto acontece no Japão, que é a terceira economia do mundo, no Brasil, então, seria uma explosão de clínicas de aborto.

Esta conversa de que a religião cristã é um atraso, para a modernização da sociedade é preconceituosa. É desejo de uma minoria em aprovar uma lei, que sirva de cabresto, para puxar uma sociedade inteira.

Sou religioso, sim. E com todo direito de exercer minha cidadania. Não é legalizando o aborto enquanto, de outro lado, se promove a prostituição, o sexo irresponsável, mal-embrulhado semanticamente como "fazer amor".
A corda e a caçamba. Isto é liberdade? Acho que tem outro nome bem menos agradável: Libertinagem.

A moral ainda é uma das poucas coisas que mantém a sociedade no caminho do progresso. Imagine se a mãe de Barack Obama decidisse abortá-lo, porque seu pai voltou para o Quênia. Imagine se a mãe de Steve Jobs decidisse assassiná-lo antes de nascer? Imagina se a mãe do ex-Presidente Lula chegasse em um hospital, com uma renca de rebentos atrás de si, e o Luiz com 12 semanas na barriga?

Como estamos em um país democrático - e laico - como sempre repete uma minoria totalitária, que se divulgue e amplie o debate sobre o aborto e suas consequências perante a sociedade.

E tendo feito assim, que se conclua a matéria em um plebiscito ou consulta popular. Duvi-d-ó-dó que a sociedade brasileira votaria errado.

Hasta la vista Doña Eliane.







sábado, fevereiro 11, 2012

Sete anos de blogs evangélicos

.

Blogs cristãos de 2005 a 2012


Joao Cruzue

Por João Cruzué

Sábado - 11.02.2012.

Nos primeiros cinco anos da última década, os blogs cristãos brasileiros eram coisas de nerds, intelectuais evangélicos, que tinham livre acesso à cultura americana. Com sua popularização, a partir de 2009, a blogosfera intelectual começou sofrer o impacto de emergentes menos "nobres". E como água e gasolina não se misturaram e os "intelectuais" que se isolaram, sumiram. Enquanto isso, os blogueiros emergentes, mormente presbíteros da Igreja Assembleia de Deus, deram início a a segunda onda de associação de blogueiros, da qual a UBE - União de Blogueiros Evangélicos foi precursora. Daí por diante iniciou-se uma política voltada ao incentivo de produção e publicação de conteúdo cristão na Internet.

Sem falsa modéstia, fomos um dos pioneiros no fomento de criação de blogs cristãos para ir de encontro às porcarias da Internet que não tinham nenhum contraponto cristão. Não estive sozinho nisso, pois os fundadores da UBE e outros moderadores da comunidade estiveram juntos. Pagamos o preço do atrevimento sofrendo muitas críticas, a maioria delas contra a péssima qualidade dos textos dos iniciantes, acrescida pela esterilidade e consequente publicação de textos de outros autores não engajados

Até hoje, ainda não sei escrever direito. E creio que não chegue a ficar bom nisso, mas sempre procuro dar qualidade às publicações, investindo em revisões de português, melhoria de layouts, estudo de HTML, CSS, uso do corretor ortográfico do Office... enquanto compartilho meus progressos em dois tutoriais: Como Blogar e Curso de Blogs. Outro dia um colega de blogs avisou-me: João eu quero permissão para publicar o texto tal, mas dá uma passada lá, porque tem uma frase que você escreveu "pobrema". Interessante. Escapuliu! E quando fui revisar o texto inteiro, tinha mais de 10 escorregões.

É bem verdade que a qualidade não acompanhou a quantidade dos blogueiros cristãos, mas ela existe e pode ser apreciada em muitos blogs que surgiram de 2009 em diante.

Continuamos insistindo no mesma bigorna: Cada líder cristão, principalmente quem trabalha no ministério do ensino bíblico, deveria transpor a linha digital que marca o limite entre o usuário passivo e um publicador de conteúdo cristão na Internet. Cem
mil blogs até o final de 2012, esta marca é um sonho meu. E para não ficar apenas em palavras, investi do próprio bolso também, porque acredito na efetividade e no poder de um blog: Prêmio Blogueiro Cristão. E seria muita pretensão minha achar que estive sozinho nisso. Há dezenas, talvez centenas de blogueiros que fazem discipulado com consciência e anonimato.

Por natureza, um blogueiro evangélico típico é uma pessoa individualista e até narcisista, plenamente contextualizado com esta era pós-moderna. Minha visão começa a mudar aqui. Para que a Weblogosfera cristã comece de fato a ser efetiva precisa deixar um pouco o individualismo para trabalhar o lado social, desenvolvendo laços entre companheiros, compartilhando espaços em seus blogs para outros editores, convidados. Do individual para o comunitário. Esta é a visão.

A título de exemplo, há três semanas Ariana Huffington vendeu o Huffington Post que na verdade era um espaço agregador que divulga links de 9.000 blogueiros afiliados. Não estou aqui fazendo apologia dos ganhos financeiros (315 milhões de dólares) que obteve na transação com a AOL, mas da capacidade estratégica que teve, consciente (ou não) do princípio bíblico da unidade composta.

Ainda há espaço para um novos blogs evangélicos na Websfera? É uma boa pergunta.

Tenho uma excelente notícia para você: Se ainda não criou seu blog, seu espaço continua vazio por lá. Há milhões e daqui a menos de uma década,bilhões de leitores esperando textos que compartilhem experiências de vida, conselhos bíblicos, testemunhos de superação, boas notícias de evangelismo, missões, ações sociais, etc.

Crie seu blog e comece a escrever nele sua cosmovisão, sobre as coisas que você acredita. O que passa a sua volta. Não tenha medo de escrever. É preferível começar alguma coisa errando (e depois melhorando) do que deixar o medo embotar um dom que você talvez nem saiba que tem.

Mas não comece sozinho/a. Tente primeiro compartilhar seus planos com alguém amigo. Um planejamento a dois é bíblico. Vai reduzir o tempo de amadurecimento e aumentar as chances de qualidade do conteúdo de suas publicações.


A maioria dos presbíteros, professores e superintentendes de EBD de nossos dias vieram de tempos da, ou imediatamente pós ditadura, onde um grau maior de passividade foi ensinado e aceito por esta geração. Tenho observado isso em minhas tentativas de convencimento de destacados colegas, mestres em teologia e docentes da Escola Dominical. Usam com maestria a palavra escrita, têm consciência da proeminência dela, mas quando se fala em escrever, apresentam as mais variadas desculpas.

Uma pena porque daqui a cinco anos, em 2016, 100 milhões de Tablets e smartfones estarão substituindo os atuais celulares nas bolsas e valises de cada brasileiro. Um equipamento de fato portátil, onde se pode ler a Bíblia na igreja, anotar o sermão do pastor, fazer ligações telefônicas para o mundo, ler jornais, baixar arquivos da internet, fazer treinamento de EAD e gravar aulas na escola. Isto é irreversível!

Não podemos começar a pensar nisto daqui a cinco anos, mas agora. Se você estiver na blogsfera, potencialize sua criatividade, amplie seus olhos e seu coração em uma janela onde seus leitores possam ver aquilo que você está vendo e sentindo.

Comente sobre todos os assuntos com RESPONSABILIDADE, sem cair na crítica improdutiva e perigosa, pois há um crescente aumento de
processos por ofensa moral sendo julgados nos tribunais, contra difamações gratuitas. Comente sobre tudo, pois é preciso estar nas primeiras páginas dos buscadores virtuais para atingir todas as áreas em busca de todos os leitores.

E se precisar de alguma dica ou informação, cruzue@gmail.com, as suas ordens.


Escrito para o Blog Olhar Cristão e Associação de Blogueiros Cristãos.






.