domingo, junho 03, 2012

Lei 9472/97 - Dilma quer barrar programas evangélicos na TV



Eles estão  incomodando o governo petista

João Cruzué 

A lei federal 9472/97 é considerada o Marco Regulatório das Comunicações no Brasil, que entre outras coisas cuida da normatização das concessões de Radio e TV. Acontece que em seu texto existem brechas  legais que permitem o aluguel de espaço para programas de responsabilidade de terceiros. Então, a Presidente Dilma (leia-se PT)  vai enviar por esses dias ao Congresso Nacional uma matéria polêmica e prejudicial principalmente aos evangélicos. 

Recentemente tivemos um confronto muito esclarecedor entre um representante da alta cúpulo do governo e parlamentares evangélicos que chutaram o pau da barraca ao descobrir interesses ocultos do PT em barrar a influência e o avanço da Igreja Evangélica na Classe "C" brasileira. Eis um excerto do assunto publicado em 15.fev.2012:


"A reação dos parlamentares evangélicos se dá por causa das declarações feitas por Gilberto Carvalho durante o Fórum Social Mundial, em janeiro. Na ocasião, ele afirmou que era preciso que o governo se preparasse para um confronto ideológico com os evangélicos - o que incluiria a formação de uma rede de comunicação para aplacar a força de igrejas que usam a televisão para propagar sua mensagem. As críticas mais exaltadas ao ministro vieram do senador Magno Malta, que chegou a chamar Gilberto Carvalho de "safado", em discurso feito em plenário. Assim como Malta, a maior parte dos deputados e senadores evangélicos fazem parte da base de apoio do governo." Veja.abril.com.br 


A Folha de São Paulo publicou hoje - 03.06.12 - que a Presidente vai enviar uma matéria ao Congresso cujo objetivo é tapar as brechas da Lei 9472/97 que permitem o aluguel de espaço de horários nas TVs. Resumindo, proibir os programas de responsabilidade de terceiros, leia-se: televangelismo evangélico. As altas taxas de crescimento da Igreja Evangélica, nos últimos 25 anos  tem se dado principalmente pelo usos dos meios de comunicação, primeiro do Rádio e depois da TV. Como estes espaços são concessões públicas controladas pelo Governo, como nítida ação política o PT pretende eliminar a competição que a Igreja vem promovendo quanto aos corações dos brasileiros que ascenderam à classe média. 


E A Igreja Evangélica vem se transformando em uma pedra no sapato dos petistas. Principalmente porque agora os pastores estão deixando as quatro paredes dos templos para exercer uma cidadania plena e levando consigo a opinião dos rebanhos. Já se foi o tempo  que o sofisma "Política não é coisa de crente" ou "Crente só deve cuidar de religião" funcionava.  Em um país cujas classes mais pobres são alienadas politicamente, o discurso dos pastores atuais incomodam. 

Para mudar o Marco Regulatório das Comunicações (Lei 9472/97) será preciso marcar audiências públicas, a temperatura da chapa com certeza vai subir. Vai subir principalmente por vários fatores. Sem o dinheiro dos evangélicos, muitas redes de televisão vão quebrar. O modelo brasileiro de concessão de canais de TV é concentrador, político e pouco transparente.  


O Governo quer barrar a atuação dos pastores R. R. Soares, Valdemiro Santiago e principalmente Silas Malafaia. Os governos de esquerda geralmente não têm compromisso com temas religiosos, ao contrário, são favoráveis a tudo que hoje se diz "moderno" na sociedade: Liberalização do aborto, descriminalização de drogas e casamento gay. 


Como a maioria dos Pastores Evangélicos são ostensivamente contra estes temas, um Governo de tendência sinistra não vai mesmo ficar dando "mole".  


É melhor ficar de olho. O preço da liberdade ainda é a eterna vigilância









7 comentários:

1000NOTICIAS disse...

É VERDADE TEMOS QUE FICAR ATENTO, OS EVANGÉLICOS TAMBÉM SÃO CIDADÃOS, TEM DIREITOS E OBRIGAÇÕES COMO TODOS. E PORQUE TIRAR O DIREITO A NOSSA LIBERDADE? MUITO IMPORTANTE ESSA MATÉRIA.

Esther disse...

Matéria conscientizadora, acredito que como povo de Deus temos que ficar atentos e sempre partidários da verdade; a que louvor, louvor, a quem honra...honra!

Deixo convite para que visite meu blog.Boa semana!
http://estherontemehoje.blogspot.com.br/

citon disse...

temos que lutar por nossos direitos, não podem tirar o principal meio de evangelização,e se quiserem terão que tirar do ar todos os programas católicos.

Unknown disse...


ISSO ESTÁ ACONTECENDO POR CULPA DO PRÓPRIO EVANGÉLICO QUE AO INVÉS DE FALAR SOMENTE DA PALAVRA DE DEUS; UMA MENSAGEM DE SALVAÇÃO, FICA SE ENVOLVENDO COM ASSUNTO DE GAY, DE ABORTO; SE ENVOLVENDO COM POLÍTICA. FAZENDO PROGRAMAS IMENSOS, CARÍSSIMOS, ENRIQUECENDO AS CUSTAS DA PALAVRA DE DEUS. O LIDER DE UMA IGREJA NÃO TEM QUE PEDIR OFERTAS, OFERECER NÚMERO DE CONTA BANCÁRIA PARA PEDIR AO NÃO EVANGÉLICO DINHEIRO PARA MANTER PROGRAMA. VOCÊ PEDE DINHEIRO AO SEU VIZINHO PARA PAGAR SUAS DESPESAS? UM CRISTÃO VERDADEIRO ELE NÃO SE ENVOLVE COM POLÍTICA E SIM ORA PELOS SEUS GOVERNANTES. PARA ESTAR NA BANCADA DO COMPLEXO DE BRASÍLIA TEM QUE MENTIR E COMPACTUAR COM FALCATRUAS - NÃO É LUGAR PARA UM VERDAEIRO SERVO DE DEUS. COM RELAÇÃO AO HOMOSSEXUAL, PODE SIM INFORMAR QUE A IGREJA NÃO ACEITA OS HOMOSSEXUAIS DE ACORDO COM A FÉ QUE PROFESSA; QUE ELES NÃO PODEM FAZER PARTE DA IGREJA COMO MEMBROS, MAS SE QUISEREM ASSISTIR AOS CULTOS, SERÃO SEMPRE BEM VINDOS E RESPEITADOS. AGORA USAR UM PROGRAMA DE TV PARA FICAR O TEMPO TODO COMENTANDO,GRITANDO E DESTILANDO RAIVA SOBRE ESSE ASSUNTO! ESTOU FALANDO DO SILAS. ELE TEM O DIREITO DE SIM DE MANIFESTAR O SEU PENSAMENTO, CONCORDO EM DEBATER LEI QUE EXIGE QUE AS PESSOAS TEM QUE ACEITAR O GAY. A LEI COMO TUDO EM NOSSO PAÍS ESTÁ ERRADA, MAL FEITA. A LEI DEVE SIM SER RÍGIDA EM QUE TEMOS QUE RESPEITAR O GAY E SIM LEI SEVERA PARA QUEM HUMILHAR E AGREDIR. CONTUDO VAI FICAR FALANDO, FALANDO ESSE ASSUNTO PORQUE O EVANGÉLICO ENGANADO VAI LÁ TODO MÊS E DEPOSITA DINHEIRO NA CONTA BANCÁRIA DESSAS IGREJAS? NÃO VEJO ESSES PROGRAMAS DE TV PREGAREM O EVANGELHO NA SUA ESSÊNCIA, NÃO VEJO AMOR PELAS ALMAS, EU VEJO MUITO GRITO DA CARNE. EU FUI CRIADA NA IGREJA E SAI PARA NÃO MAIS VOLTAR, MAS EU RECONHEÇO SIM CRISTO COMO ÚNICO SALVADOR, TENHO PREOCUPAÇÃO COM SALVAÇÃO, MAS A IGREJA EVANGÉLICA SE PERDEU. A IGREJA CRESCEU EM QUANTIDADE MAS NÃO EM QUALIDADE. CRESCEU PORQUE NÃO TEM MAIS DISCIPLINA PODE SER MEMBRO E FAZER O QUE BEM QUISER; INCLUSIVE BEBER. É PRECISO QUE O GOVERNO CRIE LEIS PARA CONTROLAR ESSA QUANTIDADE DE IGREJAS ABRINDO PORTINHAS E SE ESPALHANDO POR AÍ. QUANDO ALGUÉM ENTRA PARA O SEMINÁRIO DE TEOLOGIA JÁ VAI ARQUITETANDO ABRIR UMA IGREJA; MUITOS COMPRAM CARTEIRA DE PASTOR. SE JÁ EXISTE AS IGREJAS ANTIGAS DE 200 ANOS PORQUE QUEM FEZ O CURSO DE TEOLOGIA NÃO PODE SER MISSIONÁRIO NESSAS MESMAS IGREJAS? EU SEI A RESPOSTA É PORQUE QUEREM SER DONOS DE IGREJAS E SONHO GANHAR MUITO DINHEIRO. O SILAS É MUITO INTELIGENTE SIM, CONHECEDOR DA PALAVRA, MAS USOU SUA INTELIGÊNCIA, ARQUITETOU E ENRIQUECEU AS CUSTAS DO EVANGELHO. A BÍBLIA DIZ: AI DOS PASTORES!!

Joao Cruzue disse...


Obrigado pelo comentário, meu irmão.

De um lado você está certo.

Mas graças a Deus, que a coisa não é 100% assim. Note bem, que já era assim no tempo dos profetas. Veja bem o que Esdras andou fazendo. Chegou a distribuir mão na orelha e jogar na rua os móveis de "cidadãos" que se casavam com fihas de sacerdotes. No tempo de JESUS, nem se fala. A corrupção grassava do mesmo jeito que hoje.

Ainda bem, que Deus não nos abandonou, como não abandonou a família de Abraão, na época de Sodoma.

O perigo é ver o mundo sempre pelos olhos do desânimo. É bom dar uma parada e considerar também isso para não fazer uma leitura míope.

No entanto, a leitura do Irmão está 99% correta.


João.



Anônimo disse...

COM CERTEZA A DILMA QUER POR O SATANASBPOR MINistro da justiça

Anônimo disse...

O governo de Dilma quer colocar o satanas por ministro da justiça.ela é a primeira a cair no fogo do inferno