sábado, setembro 29, 2012

O paradoxo da solidão na era digital


.
Hall 9000
João Cruzue 

A era da massificação digital já começou. Quem assistiu o filme "O Substituto" de Jonathan Mostow, protagonizado por Bruce Willis vai entender como é. Seres humanos isolados e deprimidos em suas casas, sendo representados por robôs-sósias, avatares humanos, sempre jovens, bem vestidos, representando socialmente durante o dia. E quando vem a noite, voltam para seus cabides, enquanto seus "originais" levantam-se sozinhos em uma casa vazia. Sozinhos, com milhares de seguidores zumbis no twitter e no facebook. A era do paradoxo real-digital, 

A família não mais se comunica verbalmente. A filha, no quarto, pede um remédio para a mãe, na cozinha, por um SMS. A vizinha  tem um perfil no facebook onde coloca as fotos da última viagem, que o esposo ainda nem viu. 

O artista decadente digita algumas vezes por dia  seus bilhetes no twitter que a maioria não lê. Envia centenas de pensamentos e frases pelo facebook, que a maioria não presta atenção. 

Todo mundo postando e pouca gente lendo.

Todos se comunicando e relacionando em um processo    relacionamento social de faz de contas - que na verdade não passa de um monólogo transmitido por programas-robôs, como no filme "Matriz". A massificação de mensagens que leva ao fastio.

Para onde isto nos leva?

Creio que já podemos observar alguma coisa. A coisificação dos relacionamentos sociais. Twitters, faces, whatsapp, instagran, viber.  Uma geração de protagonistas digitais generosos, comunicativos, espirituosos. Por outro lado, na vida real estas pessoas são diferentes:  Egocêntricas, críticas ao extremo, frias, insensíveis e anti-solidárias, despossuídas de sensibilidade humana e de verdadeiro  espírito solidário. Este descompasso entre o digital e o real, o ser-o-que-não-é, ao meu sentir, é um gatilho perfeito para a solidão e a depressão. 

Uma geração de potenciais depremidos, que o excesso de tempo junto às maquinas faz desaprender como se relacionar de verdade.

Eu percebo que quanto mais trabalho com recursos eletrônicos mais automatizado vou ficando. O homem como extensão de um dispositivo eletrônico. Um apêndice. Esta interação eletrônica excessiva pode me tornar insensível e frio como a máquina. 

Creio que estamos mesmo caminhando para sermos comandados por máquinas. Não por robocops, homens de ferro ou darth vaiders, mas por algo do tipo "Hall 9000" de Stanley Kubrick. A potencialidade da IA (Inteligência Artificial) já é uma realidade. Tudo nas sombras. Você não vê, não ouve, não sente, mas aquilo está "te" monitorando lá. Aliás, isto não é nenhuma novidade: Quando você abre uma conta no Face ou no Google, seus dados e seus hábitos de consumo estão registrados lá. Se o "Hall 9000" já era inteligente e desconfiado, imagina o que os algorítimos de nossa era possam fazer em um processador moderno...

Estamos perdendo o hábito da solidariedade. Cada um por si e Deus por todos. Os insensíveis da parábola do bom samaritano estão se replicando em nossos dias. Hoje, os sacerdotes e levitas apressados e individualistas estão na casa dos milhões. E os feridos e necessitados também andam pela casa dos bilhões. O déficit de solidariedade só aumenta e a falta dela brota incontida dentro de cada família.

Como podemos nos precaver do pior?

Não sei se isto é possível, mas alguém precisa ensinar o uso racional e mostrar o perigo oculto do uso excessivo dos eletrônicos. Eles foram criados para nos oferecer facilidades, mas estão criando dificuldades, pois viciam. Fazem perder a noção do tempo. Nos levam a procurar ambientes fechados e isolados para  fazer nossa "comunicação"  às centenas. Milhares. Mas perdemos a habilidade de dar bom dia ao pai e a mãe dentro da própria casa.

A falta de comunicação pelo excesso de comunicação.  A depressão colhida pelo descompasso entre a realidade e a imaginação. Sozinhos e deprimidos em meio a milhares de "amigos"




Beautiful Blue Danubio







quinta-feira, setembro 27, 2012

Testemunho do Pastor Florisvaldo de Oliveira

.
Pinheiro de Natal

João Batista Cruzué

Em 2002,  eu já estava no segundo ano de um projeto de literatura para os presídios paulistas. Desempregado, ocupava meu tempo em uma missão que eu tinha certeza que fora o Espírito Santo me dera. No mês de dezembro daquele ano, eu recebi um cartão de natal, um pinheiro verde impresso em uma folha de sulfite, do irmão Florisvaldo de Oliveira. Vou contar como foi.

No começo de 2001 eu recebi uma  da P1 de Avaré. Um jovem presidiário achou uma literatura que tinha o carimbo da Missão Jerusalém, uma associação criada para lidar com literatura de evangelização.  Ele fazia parte de uma "igreja do cárcere" que se reunia para orar, evangelizar e fazer cultos nos fins de semana.  Vou dizer só os primeiros nomes. O dirigente do trabalho era o irmão Bento. O moço que me escreveu era o Irmão Rogério Gomes.

A P1 de Avaré fechou.  Fechou em abril do mesmo ,para reformas e transformação em uma unidade RDD - Regime de Detenção Diferenciada. Dos 70 membros e frequentadores daquela Igreja, o único que ficou ali foi  o cozinheiro - o irmão Dener. Todos os outros foram espalhados pelo interior do Estado por quase uma dezena de outras penitenciárias. O irmão Rogério Gomes tinha um outro xará, cujo sobrenome não me lembro.  Foi ele que no ano de 2002  me escreveu contando duas coisas: que o Dr. Nagashi Furukawa era um Cristão e que Florisvaldo de Oliveira tinha se convertido ao Evangelho e muitos presos crentes davam bom testemunho dele. 

Meu trabalho com literatura foi uma missão maravilhosa que Deus me permitiu fazer. A partir da primeira carta, eu desejava muito encher uma caixa com bíblias e revistas de escola dominical para enviar para o irmão Rogério Gomes, da P1 de Avaré. Mas o começo não foi tão fácil assim, pois no dia 18 de fevereiro de 2001 explodiu a primeira grande rebelião do PCC nos presídios de São Paulo. Até aquela data, as autoridades desmentiam a existência da organização. Nos jornais daquela semana eu colhi informações dos nomes dos municípios onde existiam as penitenciárias do Estado de São Paulo. 

Eu me assentei uma madrugada à mesa da cozinha e fui rabiscando um plano. Em dois anos, através de cartas escritas à mão, eu estabeleci a meta de fazer contato com irmãos dirigentes de 50 Igrejas do Cárcere.  Reuniões informais de presidiários que oram, leem a bíblia, evangelizam e ensinam a palavra de Deus. Hoje - 2012 - a assistência religiosa não tem restrições, mas em 2001, principalmente depois da grande rebelião em 29 unidades prisionais, esta assistência quase desapareceu. Talvez por isso, o Espírito Santo me deu aquele ministério.  Em dois anos e meio, eu fiz contato, por cartas sociais, com 48 dirigentes de igrejas do cárcere. Com a ajuda de muitas Igrejas e irmãos enviei mas de 30 caixas grandes com literatura evangélica para cerca de 30 presídios.

Até há pouco tempo, tinha uma caixa de sapatos com mais de 500 cartas recebidas dos irmãos convertidos do cárcere. A maioria pedindo literatura. Lembro de uma em especial, de um moço que fez besteira e estava preso em uma das penitenciárias de Sorocaba. Nem a família o visitava mais, e ele me pedia, pelo amor de Deus, que escreve qualquer coisa para ele. Depois de uns sete anos guardando aquelas cartas, eu decidi rasgá-las. Eu costumava ficar muito "orgulhoso" quando olhava para elas e para não ficar mostrando as evidências dos três anos (mais ou menos) que recolhia literatura usada nas Igrejas para mandar pelo correio para o cárcere, eu decidi deixar os feitos do passado para trás, e concentrar no presente, que no momento não tenho me esforçado tanto.

Do meio dessas tantas cartas, havia uma, do outro irmão Rogério da ex-P1 de Avaré. Foi ele que me contou da conversão do "Cabo Bruno". Dizia o irmão Rogério que ele tinha aceitado Jesus e que muitos presos davam bom testemunho de sua conversão. Eu escrevi uma carta para o irmão Florisvaldo em 2002 e como era perto do Natal, ele me mando um cartão de Natal. Um pinheiro verde desenhado pela impressora em um pedaço de folha de sulfite.

Há poucos dias ele foi solto da P-III de Tremembé. Quitou sua dívida com a sociedade. Mas como ele derrubou um muro espiritual tirando a vida de muitas pessoas, cumpriu em sua vida o que Jesus certa vez advertiu a Pedro. Aquele que vive pela espada, pela espada morrerá. É uma profecia bíblica citada pelo próprio Cristo. Quando este muro espiritual cai, não há mais como fechar a brecha.  Mesmo tendo se convertido, e procurado deixar a velha vida para trás, o passado bateu a porta do pastor Florisvaldo de Oliveira no final da noite de ontem - 26 de setembro de 2012. Foram 18 tiros. Nenhum familiar ficou ferido. 

Graças a Deus! Agora não foi ele quem puxou o gatilho. Que Deus conforte o coração de sua esposa, a mulher que evangelizava na prisão e o levou a Cristo.





quarta-feira, setembro 26, 2012

A oração da boa velhinha

.

A oração da boa velhinha
adaptação de João Cruzué

"Quando nasci minha primeira oração foi um berro. Durante nove meses eu estava numa "boa" quando de repente, "vapo!" abri os olhos e não sabia respirar. Uma dor aguda foi aumentando, aumentado, até que não suportei mais; com todas as forças dei o maior berro que podia. Deus ouviu e como resposta respirei.

E continuei orando.

Com fome, eu orava; com dor de ouvido, eu orava; quando sujava a fralda, de novo. Isto foi ficando rotineiro e minha "oração" tornou-se chata. Até que aprendi a falar. Primeiro foi "mamãe", depois "papai", "vovô" - menos vovó, que naquela ocasião já estava com Deus. Não antes de pegar-me nos braços, pequenina, e também sussurar uma oração. Talvez seja por disso que eu tenha o mesmo dom espiritual.

Cresci orando. Cheguei à Universidade, orando. Casei-me, orando. Agora estou batendo às portas dos 50. Precupada, ontem a noite orei assim:

"Ó Senhor, tu sabes melhor do que eu que estou envelhecendo a cada dia. Sendo assim, Senhor, livra-me da tolice de achar que devo dizer algo, em toda e qualquer ocasião. Livra-me, também, Senhor, deste meu desejo enorme de querer pôr em ordem a vida dos outros. Ensina-me a pensar neles em como ajudá-los sem jamais me impor sobre eles. Mesmo considerando, com modéstia, ser uma lástima não passar adiante a sabedoria que acumulei até agora.

Senhor, Tu sabes que preciso preservar os amigos e uma boa relação com os filhos, e que posso por tudo a perder se ficar intrometendo-me na vida deles. Guarda-me também Senhor da tolice de querer contar tudo muito detalhado e dá-me asas para voar diretamente ao ponto que interessa.

Guarda-me de falar mal de alguém.

Senhor, eu sou doida por novelas, mas elas hoje estão muito "modernas". Outro dia, meu netinho, o Paulinho, entrou de repente na sala, justamente, na hora em que, do nada, apareceu na telona coisas que me fizeram ficar "vermelha". Senhor, o Paulinho me deu a maior "bronca", mais eu sou inocente. Eu preciso de alguma coisa nova para fazer que valha a pena.

Ensina-me a fazer silêncio sobre minhas dores e doenças. Elas estão aumentando e, com isso, a vontade de descrevê-las vai crescendo a cada ano que passa. Não ouso pedir o dom de ouvir com alegria a descrição das doenças alheias; seria pedir muito.

Mas, ensina-me, Senhor, a suportar ouvi-las com paciência. Ensina-me a maravilhosa sabedoria de saber que posso estar errada em algumas ocasiões. Já descobri que pessoas que acertam sempre são maçantes e desagradáveis. Mas, sobretudo Senhor, nesta prece de envelhecimento peço que mantenha-me mais amável possível.

Livra-me de ser uma santarrona, pois é difícil conviver com os santos. Mas uma velha muito rabugenta, Senhor, pode ser uma obra prima do diabo!

Poupe-me!

Amém!"

Oração da velhinha
adaptada por João Cruzué - cruzue@gmail.com
quando souber o nome do autor, colocarei os créditos.



Quando Deus altera a inércia


Rocha

Joao Cruzué

O quanto você é fiel ao Senhor? Esta é uma pergunta que pode passar pela sua mente sem trazer nenhuma pertubação. Até o dia que você começa a descobrir que as coisas não continuam do mesmo jeito, com o mesmo sossego que antes. Neste final de novembro, quando as grandes universidades recebem milhares de candidatos para o vestibular, é um tempo muito apropriado para uma boa reflexão. Foi Carlos Drummond de Andrade mesmo quem fez esta pergunta de certo modo surpreendente: E se o Céu for uma realidade e a vida um Vestibular? Deixando de lado a pergunta do poeta, vamos fechar a proposta deste texto: Você está preparado para se graduar na Universidade de Deus? Que o mesmo Espírito que fala comigo também possa falar também ao seu coração.

A vida cristã nunca é monótona para quem anda na presença de Deus. Se você tem alguma sinceridade interior saiba que Ele não desiste daqueles que têm uma chamada com propósitos. A Bíblia não conta se Jacó chorou quando foi embora de casa para uma terra desconhecida. Minha experiência dá-me certeza de que ele estava muito atribulado. Por isso Deus lhe apareceu em sonho no caminho de Padã-Arã. Com uma idade em torno de 70 anos, pela primeira vez Jacó tinha saído debaixo das "saias" da mãe, do controle de Rebeca. Sua vida iria mudar para sempre. Em casa ele vivia uma vida segura, mas medíocre e dependente; a julgar pela sua oração no ermo. Nem um crente em Jeová ele era.

Se Deus tem também um propósito em sua vida - e isso Ele tem - seus dias de "moleza" quem sabe se acabaram; sem meios termos, Ele vai lhe ensinar com quantos paus se faz um barco para cruzar qualquer oceano. Para isso,vai levar "você" até o ponto de confissão de um compromisso. Isaias confessou: "Senhor eis me aqui, envia-me a mim! Jonas disse: "Levantai-me e jogai-me ao mar!" E Pedro se rendeu: Senhor tu sabes tudo, tu sabes que eu te amo".

E aí está você - como Jacó - com um coração turbado diante de tantas coisas novas e difíceis de administrar. Aquela sua vida calma, serena,tranqüila ,foi-se. O presente lhe traz angústia; o futuro, insegurança. É Deus quem certamente está lhe dando um novo rumo. Ou você pensa que o propósito dEle para você seja que viva eternamente uma vida cristã medíocre na penumbra? Em meio a tantas pessoas sem propósitos e sem compromissos, as suas tribulações enviadas por Deus são um bom sinal: de que o Senhor tem coisas novas, firmes e gloriosas que não sabe. Mas depois que a noite no deserto passar e uma nova manhã surgir, você também terá muito prazer em dizer: Ó Deus maravilhoso! Como foi bom me ter adotado com filho e se preocupado em me afligir para guiar-me pelo caminho da sua graça!

O que você vai fazer amanhã, depois de amanhã, no mês seguinte, no próximo ano ninguém sabe. Mas uma coisa posso dizer:e nquanto não firmar um concerto, um compromisso de fidelidade com Deus, você continuará sentindo-se sozinho, ou sozinha, perdido/a em meio às incertezas se é Deus ou se não o é. O que o Senhor espera da sua boca é o mesmo compromisso proposto por Jacó: "SENHOR, se a sua presença for comigo, e me guardar nesta viagem que faço, e me der pão para comer e vestes para vestir, e em paz me tornar à casa de meu pai, o SENHOR será o meu Deus, e esta pedra que tenho posto por coluna, será a Casa de Deus; e de tudo quanto me deres, certamente te darei o dízimo."

Por que Deus insistia com Jacó? Porque os olhos do Senhor não procuram primeiramente pelos nossos defeitos. Deus olhou e amou Jacó pelo pouco que possuia de bom: o valor que dava ao sagrado.  Jacó valorizava o que vinha de Deus, a começar pelo desejo a bênção da primogenitura. Comprou-a por um prato de lentilhas.

Alguma vez você ao menos já pensou o que Deus pode fazer àquele que apresentar, não uma pedra, mas a própria vida e desejar a presença Dele? Olhe em volta. Olhe para este mundo. Para todos os lados você pode contemplar a miséria humana em seus maisdiversos graus de opressão maligna. Pobres morrendo de fome e ricos perdendo a vida na cocaína, no crack... O mundo procura por diversão, por qualquer coisa que não seja Deus, para se divertir e enganar a tristeza. Ela finge que vai embora, para voltar em mais tarde com mais força. O mundo jaz no maligno se morre de tristeza e tédio, porque o que ama o mundo despreza o Caminho e a solução dos próprios problemas. Não há ninguém ali que busque a Deus.

Mas se Deus criou você para um propósito especial, não adianta se esconder ou se omitir ou fugir diante da presença Dele. Em algum tempo o Senhor torna instável o sustento, o chão foge dos pés, você não consegue mais manter o controle da situação por que Ele está alterando a inércia da sua vida. Durante este tempo indesejável, o Senhor vai tratar diretamente com você. Vai mostrar e você vai querer ouvir quais são os planos Dele para sua vida. E quando você se achar dentro da vontade de Deus não vai querer mais sair.



.

A presença de Jesus

.
.
Adorando ao Senhor

João Cruzué

-------------------------------------------------------

Marta Recebeu Jesus em sua Casa.

Maria era irmã de Marta.

Marta estava distraída em muitos serviços.

Maria assentou-se para estar ao pé de Jesus.

Marta foi se queixar.

Senhor, manda Maria ajudar-me

E Jesus lhe respondeu:

Marta, Marta. Por que está ansiosa

e fadigada com tantas coisas?


Maria escolheu a boa parte. A melhor parte.

Maria se esqueceu de tudo

quando estava na presença

do Senhor.


---------------------------------------------------------

Você sabe o que significa estar na presença do Senhor, para ouvir a voz Dele? Vou contar aqui duas oportunidades que tive. Por duas vezes a presença do Senhor deixou sua marca indelével em minh'alma. É por isso que eu sei porquê Maria se esquecera completamente do trabalho e não se moveu de diante da presença Jesus.

Na primeira vez, eu estava com o Irmão Enoque na Igreja Assembleia de Deus do Brás, à Rua Major Marcelino. Não eram palavras, era o Espírito de Deus derramando uma alegria tão grande que meu coração se apertou e os olhos molharam a minha face. O pastor pregava, a Igreja estava calma e eu estava na presença do Senhor.

A segunda, foram poucos anos depois. O Pastor Luiz de França pregava e eu estava na Congregação do Jardim Novo Santo Amaro. Era um culto calmo, mas não continuou assim por muito tempo. Pelo menos para mim. Sei que Deus fala com seus filhos, todavia nem sempre com todos no mesmo dia e local. A Igreja estava em silêncio, mas meu coração começou a arder. E meus olhos começaram a loubar a Deus com lágrimas que desciam pelo rosto. Eu tinha encontrado um cantinho do céu naquela Igreja.

Eu posso lhe dizer, hoje, com certeza, porque Maria se esqueceu de tudo..



segunda-feira, setembro 24, 2012

Mostra de Cinema Cristão - Agenda Cultural Brasil 2012


.

Local: Auditório Centro Cultural da Bíblia
Rua Buenos Aires, 135 - 3º Andar
Centro  - Rio de Janeiro

Contato: Verônica Brendler

Divulgação: Blog Olhar Cristão






sexta-feira, setembro 21, 2012

Suicídio na estação Santo Amaro da CPTM


 .
João Cruzué

Sexta-Feira, 21 de setembro de 2012.

Hoje foi um daqueles dias difíceis de trabalhar. Eu tinha acabado de descer a escada rolante da Estação Santo Amaro da CPTM. O trem para Osasco tinha acabado de estacionar; muita gente saindo e muito mais gente  desejando entrar. É tudo muito rápio. Com tanta gente para entrar, a melhor opção para mim era caminhar pela plataforma do contra-fluxo, vazia. Eu planejava entrar no primeiro  ou no segundo vagão da frente, geralmente mais vazio.

Nem bem dei uns dez passos, quando outro trem estacionava, descendo no sentido  Grajaú. De repente, um estrondo! Um barulho enorme de coisa quebrando assustou todo mundo que subia pela borda de embarque da estação. Parecia que algo tinha quebrado no trem e que ele avançaria sobre nós. Todo mundo correu, procurando se afastar. Alguém disse que uma "mulher" tinha se jogado na frente do trem. 

Um guarda da Polícia Ferroviária passou correndo para  atender à emergência. Daí para frente concentrei-me em correr e entrar no trem estacionado do outro lado no sentido de Osasco. Pensei que certamente toda a linha 9 - Esmeralda, ficaria parada. Mas não foi bem isto que aconteceu. A administração da CPTM foi pragmática. Tratou de mandar os seguranças retirarem o corpo  dos trilhos,  colocá-lo do outro lado junto à pista das bicicletas e liberar a linha. Naquele local, o corpo ficou no chão esperando pelo IML, pelo que li, até as 18:30 da noite.

Eu só não vi o acidente, embora estivesse a uns 15 metros no momento,  porque estava concentrado no trem que pretendia embarcar, olhando para o outro lado. Não estava prestando muito atenção na composição que descia  para o Grajaú. Aquela plataforma estava quase vazia. Não vi a pessoa quando se jogou, mas ouvi o estrondo de coisa quebrando como se fosse um barulho de árvore se rachando ao meio.  Algumas pessoas e eu começamos a correr para longe daquele trem, pensando que  tinha quebrado alguma coisa e que ele viria para cima de nós - tamanho o  barulho. Na hora, por não ter visto a cena, não cogitei que fosse o barulho de um corpo arrebentado pelo trem.

Na volta do trabalho, já 08 e meia da noite,  parei para conversar com um guarda da Nacional Segurança.  Contei para ele que eu estava exatamente às 7:30 da manhã na Estação, quando houve um  acidente. Ele me disse que a pessoa era um homem. Disse também que era casado e que tinha deixado um bilhete para sua mulher. Como todo acidente fatal nas estações quem pela CPTM diz enfaticamente que foi suicídio  (e houve caso que não)  não deu para acreditar 100% na versão do segurança. E a história do bilhete, também pode não ser esta. E se não houve bilhete? E se a pessoa passou mal lá em cima ao olhar para baixo... teve uma tontura? O que é que alguém estaria fazendo lá no alto na passagem das bicicletas - sem bicicleta? Eu não tenho respostas para estas dúvidas. É aberto, assim, aquela passagem para a ciclovia? Comentário posterior no parágrafo seguinte:

O nome do suposto suicida eu não sei, nem tive coragem de perguntar.  Lendo algumas matérias sobre o assunto, muitas pessoas disseram que o homem pulou da platamorma dos  ciclistas lá de cima. Pode ser, pois eu estava a poucos metros e não vi ninguém saltando. Passei no local, quatro dias depois, e fiquei examinando a tal plataforma das bicicletas. Há  grade dos dois lados com mais de metro de altura. Daquela posição, para mim, não é possível que alguém consiga cair na frente do trem. Nem de lado isto seria possível, pois a linha fica escondida, mais para dentro da plataforma. Se havia câmera no local, as imagens podem esclarecer esta dúvida: em que ponto da plataforma a pessoa que morreu estava quando, caiu ou se jogou de encontro ao trem?

Procurando alguma informação há pouco na Internet, não há ainda o nome dessa pessoa. Apenas  outra informação ainda mais triste. De que o corpo  ficou no local desde o momento do acidente até às 18:30, já noite.

A notícia informava que a pessoa ainda estava viva quando foi socorrida pelos bombeiros. Eu tenho minhas dúvidas. Com um barulho pavoroso daquele, a pancada na cabeça da vítima deve ter quebrado tudo.

Deixando de lado esta reportagem, e mudando para o lado humano e espiritual, um suicida é uma pessoa que vê seus problemas muito maiores do que são. Tenho ouvido relatos, de que a voz do diabo fala tão forte ao ouvido da pessoa e de forma tão insistente que ela chega a ter dores de cabeças terríveis.  Aquela voz põe a pessoa lá embaixo e sugere - por que você não se mata? Ninguém mais gosta de você. Você já decepcionou sua família, seus amigos. Você não vale nada.

Penso que nunca vou saber das razões que levaram aquele homem que se matou hoje de manhã se jogando debaixo do trem da linha 9 Esmeralda da CPTM, na Estação Santo Amaro. Foi por problema de conjugal? Foi por assunto de separação? Desemprego? Dívidas? Uma dessas coisas deve ter sido.

Com crente desde os 19, e hoje já tenho 56 anos de idade, desde moço aprendi a desabafar minhas frustrações com o Senhor Jesus em oração. Tive muitas  decepções e 11 anos de um longo desemprego. Casado e com filhas pequenas. Se eu não tivesse o hábito de fazer caminhadas todo o dia e aproveitasse esses momentos para fazer minhas orações e desabafos com Deus, já estaria morto há muito tempo. O Senhor é bom. Sempre me guardou e nunca deixou que o diabo viesse abrir a sua boca suja para falar no meu ouvido que eu era um lixo.

Eu mantenho meu serviço de aconselhamento neste blog. No canto direito em cima está: Conselhos. Todas as pessoas que me escrevem contando suas decepções e aflições, eu sempre respondo. Faço isto, porque muitas pessoas ficam presas no passado. O passado precisa ser lavado, ensaboado, desinfetado e esquecido. A sombra do passado destrói as bênçãos que estão no futuro. Eu, pessoalmente, creio que toda pessoa que enfrenta lutas muito grandes, tem um propósito de Deus na vida maior ainda. É só olhar para frente e para cima, mesmo quando tudo parece que vai nos destruir. A luz da esperança brilha na frente; não atrás. Basta se levantar e caminhar o percurso nosso de cada dia. É uma vitória a cada dia.

Muitas pessoas falam mal das Igrejas. Dos pastores. Dos padres. Mas eu du-vi-de-ó-dó, que se aquele moço tivesse ido ao culto, ou a missa de domingo passado e conversasse com alguém, hoje estaria morto. O melhor remédio contra  a voz do espírito mau do suicídio é a presença de Deus. Tiago escreveu assim na Bíblia: Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós.

Meus sinceros sentimentos à família e a esposa deste moço que tirou sua vida hoje debaixo de um trem da CPTM da maneira mais assustadora possível. Foi por falta de Deus na vida.

Há sim, esperança, na oração. O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã! Que linda frase está  que está no verso 5 do Salmo 30.




quarta-feira, setembro 19, 2012

Jesus não era neoPenTecostal

.


 João Batista Cruzué 

Quando  abro a Bíblia   no Livro do Profeta Isaías, capítulo 5, eu posso  imaginar porquê Jesus passou pela tentação, (Mateus 4) sem dar "mole" para o Diabo.  Eu hoje resolvi esquecer um pouco os relatórios de meu trabalho, para meditar, contextualizando este assunto com o que se passou com os ministros de Supremo Tribunal Federal, diante do famigerado mensalão.  Como é que se dá a perda de referências que  leva as pessoas à perda dos valores? Aí está um algo denso que não sei se vou conseguir desenvolver sozinho.

Isaías foi escolhido e enviado por Deus para ser uma voz profética que  martelasse nos ouvidos de judeus e cristãos há mais  2.700 anos. Ele mesmo deixou isto bem claro (Is.50:4) sua formação acadêmica: "O Senhor DEUS me deu uma língua erudita, para que eu saiba dizer a seu tempo uma boa palavra ao que está cansado. Ele desperta-me todas as manhãs, desperta-me o ouvido para que ouça, como aqueles que aprendem." E neste ponto, eu creio, que ele não estava falando de cansaço físico, mas do cansaço em fazer o bem, do cansaço de ser honesto, do cansaço de andar com sinceridade  diante de Deus.

Eis o texto da Introdução:

Isaías 5:


1 AGORA cantarei ao meu amado o cântico do meu querido a respeito da sua vinha. O meu amado tem uma vinha num outeiro fértil. 

2 E cercou-a, e limpando-a das pedras, plantou-a de excelentes vides; e edificou no meio dela uma torre, e também construiu nela um lagar; e esperava que desse uvas boas, porém deu uvas bravas. 

3 Agora, pois, ó moradores de Jerusalém, e homens de Judá, julgai, vos peço, entre mim e a minha vinha. 

4 Que mais se podia fazer à minha vinha, que eu lhe não tenha feito? Por que, esperando eu que desse uvas boas, veio a dar uvas bravas? 

5 Agora, pois, vos farei saber o que eu hei de fazer à minha vinha: tirarei a sua sebe, para que sirva de pasto; derrubarei a sua parede, para que seja pisada; 

6 E a tornarei em deserto; não será podada nem cavada; porém crescerão nela sarças e espinheiros; e às nuvens darei ordem que não derramem chuva sobre ela. 

7 Porque a vinha do SENHOR dos Exércitos é a casa de Israel, e os homens de Judá são a planta das suas delícias; e esperou que exercesse juízo, e eis aqui opressão; justiça, e eis aqui clamor. 

8 Ai dos que ajuntam casa a casa, reúnem campo a campo, até que não haja mais lugar, e fiquem como únicos moradores no meio da terra! 

9 A meus ouvidos disse o SENHOR dos Exércitos: Em verdade que muitas casas ficarão desertas, e até as grandes e excelentes sem moradores. 

10 E dez jeiras de vinha não darão mais do que um bato; e um ômer de semente não dará mais do que um efa. 

11 Ai dos que se levantam pela manhã, e seguem a bebedice; e continuam até à noite, até que o vinho os esquente! 

12 E harpas e alaúdes, tamboris e gaitas, e vinho há nos seus banquetes; e não olham para a obra do SENHOR, nem consideram as obras das suas mãos. 

13 Portanto o meu povo será levado cativo, por falta de entendimento; e os seus nobres terão fome, e a sua multidão se secará de sede. 

14 Portanto o inferno grandemente se alargou, e se abriu a sua boca desmesuradamente; e para lá descerão o seu esplendor, e a sua multidão, e a sua pompa, e os que entre eles se alegram. 

15 Então o plebeu se abaterá, e o nobre se humilhará; e os olhos dos altivos se humilharão. 

16 Porém o SENHOR dos Exércitos será exaltado em juízo; e Deus, o Santo, será santificado em justiça. 

17 Então os cordeiros pastarão como de costume, e os estranhos comerão dos lugares devastados pelos gordos. 

18 Ai dos que puxam a iniquidade com cordas de vaidade, e o pecado com tirantes de carro! 

19 E dizem: Avie-se, e acabe a sua obra, para que a vejamos; e aproxime-se e venha o conselho do Santo de Israel, para que o conheçamos. 

20 Ai dos que ao mal chamam bem, e ao bem mal; que fazem das trevas luz, e da luz trevas; e fazem do amargo doce, e do doce amargo! 

21 Ai dos que são sábios a seus próprios olhos, e prudentes diante de si mesmos! 

22 Ai dos que são poderosos para beber vinho, e homens de poder para misturar bebida forte; 

23 Dos que justificam ao ímpio por suborno, e aos justos negam a justiça! 

24 Por isso, como a língua de fogo consome a palha, e o restolho se desfaz pela chama, assim será a sua raiz como podridão, e a sua flor se esvaecerá como pó; porquanto rejeitaram a lei do SENHOR dos Exércitos, e desprezaram a palavra do Santo de Israel. 

 Poderia parar por aqui, pois a  palavra escrita pelo Profeta, não era dele, foi ditada por JEOVÁ.  Ao ler e reler esta palavra, concluí que a perda de valores leva à perda de referências. Também entendi que a concentração da renda na mão de poucos, com tempo também leva estes "poucos" à ruína, pois não atentando para o grande referencial divino - que é a sua palavra escrita - A Bíblia Sagrada.

Ai dos que acham que os fins justificam os meios para conquistar e manter o poder. E estes "meios" nada mais são do que o fazer e o mandar fazer no escuro aquilo que condenam à luz do dia. Sim, a hipocrisia é a rejeição dos referencias e dos valores cristãos. Pelas palavras de Cristo, deixada nos textos do Evangelho, o pecado da incredulidade e a hipocrisia dos religiosos levariam estes a uma condenação maior que a dos habitantes de Sodoma, de Nínive e do povo nos dias de Noé.


O curioso para mim, é que aparentemente o Juízo de Deus está começando primeiro pelas autoridades brasileiras, enquanto as lideranças religiosas estão sendo aparentemente esquecidas; (I Pe. 4:17).

Os conceitos de moral, honestidade, sinceridade, impessoalidade, legalidade, santidade, respeito à coisa pública, foram arrancados e depois sepultados em cova profunda. Graças a Deus, até aqui a maioria dos Ministros do STF  vêm  balizando que pedra é pedra e pau é pau. Que mensalão é suborno de consciências, que sem referências perderam seus valores.

Neste ponto passo a pensar ao contrário do que acima escrevi: A falta ou esquecimento dos marcos referenciais leva à perda dos valores.

Voltando ao sagrado.  Por que Jesus Cristo não era "Neo pentecostal"? 

1. Porque jamais ele iria ensinar ou orar para  que as pedras se transformassem em pães para abençoar alguém - a não ser que fosse no tempo da vontade de Deus. O marco referencial aqui não é a necessidade do pedinte, mas o propósito de Deus na vida daquele. Nem toda vontade pessoal deve ser atendida só porque eu quero. A vontade de transformar pedras em pães, não era de JEOVÁ, nem de Jesus - era do diabo! Eu já ouvi isto e, infelizmente, tornei a ouvir esta falsa palavra no domingo passado: "Olha, se você não vem recebendo bênçãos na sua vida, é preciso dar uma olhada, porque deve ter alguma coisa errada na sua vida". Eu discordo. 

Discordo porque esta interpretação não pode ser absoluta. Abraão esperou 25 anos por um filho. José, uns 13 anos para sair do buraco. Moisés, uns 40 anos para sair em vitória com o povo de Israel do Egito. Davi deve ter esperado uns 15 anos para ser coroado Rei, depois da unção do profeta Samuel. Eu esperei 11 anos para sair do desemprego. Porque não houve transformação das pedras em pães na vida desses? Porque Deus não trabalha na PRESSA. Para tudo há um tempo,  um dia, um momento determinado. E a decisão está com o nosso Paizinho, que mora na luz inacessível. E eu sei que a bênção virá. E no dia que ela vem, a alegria é para todos os dias.

2. Se Jesus fosse de família "neopentecostal", o último lugar que seu Pai deixaria que ele nascesse seria um curral de animais. Também não deixaria que o filho morasse numa casinha em Nazaré ou Cafarnaum, pois o lugar de morada de um "filho de Davi" seria em Jerusalém; no meio do poder, com direito a todo conforto.

3. Jesus não era "neopentecostal", pois andava a pé. Curiosamente, subiu em um jumentinho na sua última semana de vida. Sim! senhores, um jeguinho, filho de jumenta. Um pastor "neopentecostal" de nossa época certamente compraria uma biga romana, ou um puro sangue árabe, branquinho como a neve. Era o luxo da época. Mas, nosso Senhor andava a pé. Manso e humilde de coração. Humildade de coração era uma referência que Ele deixou, e que os falsos mestres do "neopentecostalismo" de hoje NÃO TÊM. Um jatinho, uma fazenda de bois, um haras de mangalargas, uma mansão em Miami de forma alguma são sinais de humildade de coração. Isso tem outro nome: Soberba da vida!

4. Jesus não cobrava dízimos, pois não era da Tribo de Levi. Ele mesmo disse que não veio abrogar a Lei, mas cumpri-la. Eu aprendi que o dízimo é dado pela fé, pois dessa forma agrada a Deus. Eu faço assim. Mas tenho visto a grande ênfase que os pastores da "prosperidade" dão a este assunto, com a desculpa de que isto vai enriquecer o contribuinte. Na verdade, o que eles querem  é atingir suas metas, para manter (e não perder) as franquias de negócios disfarçadas de Igrejas, sobre as quais presidem. O referencial absoluto em termos de finanças de Igreja deve ser espelhado de Cristo. O interessante é que a bolsa de seus dinheiros andava quase sempre vazia. E  Ele não se importava com isso, pois dependia do Pai e não do dinheiro para edificar a Igreja. Antes, os evangélicos contavam um "causo" de que um Papa certa vez disse: Hoje a nossa Igreja não precisa mas falar ao paralítico "Não tenho prata nem ouro." Da mesma forma, o milagre do "levanta e anda" está deixando os templos evangélicos.

Que ninguém se engane. Não há vantagem nenhuma em ser católico ou evangélico. O que interessa de fato é o "diploma" da faculdade da graça assinado no seu e no meu coração pelo Senhor Jesus. E este diploma só é conquistado por aquele  que aprendeu o significado da palavra dependência. Senhor, eu dependo de ti. Embora eu quisesse acumular hoje tudo o que eu vou precisar para uma vida inteira, sei que esta não é a TUA vontade. Depender da vontade de Deus. São apenas cinco palavrinhas, fáceis de falar, mas difíceis de aceitar. E quando isto acontecer a cor da religião não mais importará. No céu não haverá nem católico nem evangélico, senão os santos  que foram comprados pelo sangue de Jesus e permaneceram fiéis e dependentes Dele.

Por estas razões, eu digo: que Jesus teria vergonha de muitas Igrejas e muitos Pastores que perderam seu referencial. E no processo de perda de referencial, também foram racionalizando a utilidade dos valores cristãos. Eu aceitei Jesus em meados dos anos 70s. Para mim, hoje, é vergonhoso ver que o "faturamento" e a satisfação das necessidades se tornaram algo mais desejado nas Igrejas do que o Espírito Santo. Vergonhoso porque não é uma coisa sutil, ao contrário, é escancarada! 


E toda esta "Teoria da Prosperidade" advinda com o "neopentecostalismo", embora combatida em verso e prosa nas revistas de Escola Dominical, é muito bem aceita nos púlpitos porque à medida que o mundo foi penetrando na Igreja (perda de valores) os referenciais de santidade  foram  desaparecendo. 

Restou aquela velha hipocrisia, combatida por Isaías há 2.700 anos e  repreendida por Jesus Cristo há mais de 2.000 anos. E eu não tenho medo de dizer: Se o juízo começa primeira pela Casa de Deus, certamente dias difíceis e de muita vergonha estão prestes a vir, pois Deus está endireitando certas coisas no Brasil através da toga de sua Excelência e não pelo púlpito de um Reverendo.



.





segunda-feira, setembro 17, 2012

Pastora Tania Tereza dá entrevista sobre herança espiritual familiar


IMPERDÍVEL!

Entrevista  muito edificante veiculada  em 16.09.12
Na Rede TV - Programa Mulher Virtuosa
da Pastora Elizete Malafaia

 Testemunho de mudança espetacular de vida de uma adolescente que foi abusada,
não encontrou amparo na família, mas no dia que ia praticar o suicício,
ouviu a palavra de Deus de um crente, teve um encontro com Jesus
e Ele mudou sua vida.  Hoje é uma Juíza Federal.


Pastora Tânia Teresa

CLIQUE NA FIGURA PARA ASSISTIR ESTE  VÍDEO ABENÇOADO

"E conhecereis a verdade e ela vos libertará"
Bíblia - Evangelho de São João, 8:32


Eu recomendo assistir este vídeo.
Lindo. Construtivo. Impactante.

João Batista Cruzué
 Blog Olhar Cristão










.

domingo, setembro 16, 2012

Verdades e mentiras: Orientações para adolescentes cristãos

                   
Comentários sobre assuntos importantes  do dia a dia.
.
Adolescentes



João Cruzué

1 - Amor - Deus tem mesmo preparado alguém especial para mim? 


Verdade. Sim há alguém especial para sua vida. Mas depende de você investir tempo. Tempo para conversar com Ele todo dia. E não vale aquela conversinha de 30 segundos. Faça do Senhor o seu confidente, o seu amigo mais íntimo.   Para aquele alguém especial, você precisa fazer um compromisso de fidelidade com o Senhor. Ser honesto com Ele. Se falhar, peça perdão e não volte a errar nas mesmas coisas. E por fim, escute isto: não será namorando ou ficando com todo mundo que você vai descobrir por tentativa e erro quem foi a pessoa especial que Deus preparou para você. Não é da forma que você pensa, mas da forma que Deus quer. Você não é obrigado a esperar por Deus (e muitos não esperam), mas  se você esperar,  confiar no Senhor, Ele vai preparar e enviar até você alguém que vai  "te" amar por toda a vida.

2 - Sexo - casar virgem é caretice e pensamento ultrapassado?


Mentira. Deus nos criou para amar e ser amados. Todavia, você precisa se guardar puro/pura para aquela pessoa especial que Deus preparou para você. Pisar na linha, avançar o sinal, entregar sua virgindade antes do casamento para alguém que não é o escolhido ou a escolhida, só porque os outros acham isso moderno? Isso não tem nada de modernidade. É uma aventura que desagrada a Deus. Se "todo" mundo faz assim, por que  você deveria pensar igual a todo mundo? Pensar diferente não é estar errado! O mundo segue a voz do diabo e os cristãos, a voz do Espírito Santo. Quem quiser andar segundo os conselhos mundanos, também deve se preparar para sofrer nas mãos do diabo. Mas quem quiser ser amado e feliz, deve ouvir a voz de Deus.

Um lar cristão - Precisa ser constituído de acordo com a vontade do Senhor. Sobre as verdades bíblicas. Para construir um lar sobre a ROCHA, você deve escutar o que Deus Fala. Se você se guardar e esperar o tempo de Deus, você vai se casar sob a proteção e vontade do Senhor. Se você construir um lar sobre a AREIA, pisando na "bola",   vai dar na bandeja a chave da sua vida sentimental para o diabo. E assim os planos de Deus para seu lar serão arruinados. 


Prejuízos - Não é apenas a virgindade que se perde quando se ouve a voz do mundo e despreza  a voz de Deus. O diabo pode roubar as bênçãos do seu lar. O pecado da fornicação, o sexo antes do casamento, derruba o muro da proteção espiritual de Deus. Por esta brecha, as coisas malignas tem liberdade para entrar e sair quando quiserem. É bom que você, adolescente, saiba disso.
 

Sexo descartável - Por isso, todo cuidado é pouco nos relacionamentos antes de você se casar. O sexo é muito deturpado nos dias de hoje. O sexo descartável é muito valorizado pelo mundo. E por descartável quero dizer aquilo que se usa e depois joga fora. Deus não criou o sexo para ser descartável. Foi criado para alegrar o dia a dia pessoas que se amam de verdade e que esperam o tempo do matrimônio para depois praticá-lo.

Infelizmente, tem gente que ainda ESCOLHE errado, seguindo maus conselhos de amigos ou amigas da "onça", achando que é coisa "moderna", "chic", "top", quando na verdade, perder a virgindade voluntariamente antes do casamento é o caminho mais curto para perder  as  chaves do seu lar para o diabo e seus demônios.


3 - Aborrecimentos na Igreja - Todo mundo passa por isso?

Verdade. Mas isso não é motivo para desistir de ir ao culto. Você vai à Igreja para honrar, para cultuar a Deus. Não vai lá para cuidar de outras coisas. E cultuar corretamente significa oferecer sacrifício agradável a Deus. Louvor, oferta voluntária, e o principal: a sua presença no culto. Aqueles que começam a desistir de ir ao culto por alguma razão estará oferecendo um sacrifício defeituoso. Isso não é aceito por Deus.

Chegar a Deus no culto com um coração humilde, sem se preocupar com A e B é a decisão correta. A causa de muitos desvios e enfraquecimentos, na maioria das vezes, vem do costume de reclamar, murmurar, relembrar continuamente de coisas ruins. O Espírito Santo se entristece com atitudes assim. E, cada vez que resistimos a voz ele vai se apagando da sua vida. É melhor jogar no lixo do esquecimento as coisas ruins que acontecem em nossos relacionamentos do que perder a alegria do Espírito Santo.


4 - Orações - Deus responde as minhas orações?

Verdade. Ele sabe o que precisamos. E principalmente, quando devemos receber o que pedimos. Algumas coisas Ele atende de imediato. Outras coisas são pedidos vaidosos, e não vamos mesmo recebê-las. Mas as grandes bênçãos estão condicionadas à nossa paciêcia e esperança. Coisas que precisamos aguardar pelo tempo de Deus. E quando somos capazes de esperar com paciência pela resposta, isto aumenta a nossa fé. Mas posso garantir que aqueles que agradam a Deus, que são sinceros com Ele, não ficarão sem receber as bênçãos maiores.

Experimente fazer uma listinha para intercessão, e tome um pouquinho dmais de tempo para conversar com Deus. Eu sou testemunha viva de que Deus ouve orações, mesmo a mais simples delas.


5 - Internet é um lugar seguro para expor a vida pessoal?

Mentira. A experiência mostra que um psicopata, ou uma prostituta sempre se apresenta com as palavras de um anjo. Muitas adolescentes já foram mortas por encontros marcados por internet. É como dar um passo no escuro.  Na sua imaginação você sonha com um príncipe. Mas a especialidade dele/dela é jogar, é enganar, com a cara (foto falsa) mais santa do mundo para conquistar suas vítimas. Tome muito cuidado. Não ponha seus endereços na Internet, não mostre escancaradamente a escola onde estuda, tenha sabedoria suficiente para NUNCA fazer amizade com estranhos - pessoas que nunca viu. NUNCA marque encontros sem sua família saber. Não dê "mole" para o diabo, pois o prazer dele de cada dia  é destruir a vida das pessoas. No Evangelho de S. João, 9:10, Jesus revela o propósito do diabo, que é  roubar, matar e destruir.

Pornografia. A pornografia também é um vício incontrolável. Se você parar um segundo para contemplar a nudez de alguém pela Internet, isto será o bastante para ser fisgado e viciado para o resto da vida. Um abismo chama outro abismo muito maior. O Salmista disse "Não porei coisa má diante dos meus olhos." Você também precisa assumir ou manter um compromisso com Deus de ter santidade no olhar. Cuidado com as imagens de câmera. Tudo o que é filmado hoje, pode  parar no YouTube amanhã.


6 - Escola. Por que é tão chata?

VERDADE. Durante a adolescência é muito chato carregar livros e mais livros, cadernos, trabalhos. Mas se não se esforçar e completar seus estudos, aí é que você vai conhecer uma coisa muito mais chata. Ver todo mundo conquistando seu lugar e você não. É preciso muito disciplina para se graduar com perfeição. Quem não estuda perde sua liberdade, compromete o conforto da família e passa a vida cumprimentano as conquistas dos amigos. Então, deixa de ser manhoso/a e "enfia" a "cara" nos livros. Estes, sim são amigos de verdade.

Se você não se esforçar, correr atrás dos seus sonhos, vai ganhar pouco, vai ajudar pouco a casa, e ainda poderá sofrer ate o assédio de criminosos. Se você gosta de estudar, e não tem livros nem dinheiro, vou lhe dar um conselho: Livros você pode pedir em qualquer biblioteca de uma Escola. Se o problema é dinheiro, se você insistir (mesmo) em uma bolsa de estudos, mais cedo ou mais tarde vai conseguir realizar seu sonho. O problema é que os que desistem de correr atrás dos sonhos, ficam para trás e os que dão um passo a mais conquistam suas vitórias. Veja o exemplo da campeã Olímpica de salto à distância - Maurren Maggi. Ela ganhou a medalha de ouro porque saltou 1cm a mais que a segunda colocado. O que é um centímetro? Neste caso foi a distância entre a vitória e a derrota.




7 - Deus fala? Como ouvir a voz de Deus

Verdade - Quando aparecem certas coisas desconhecidas e difíceis para mim, eu vou orar e esperar até ouvir voz de Deus. Feito isso, eu observo  atentamente o meu coração. Se ele estiver preocupado, ansioso, com dúvidas, eu percebo que não é da vontade de Deus insistir no assunto. A dúvida é o primeiro sinal para uma decisão precipitada, errada ou feita antes do tempo de Deus.

A voz dos pais - mas se meu coração estiver em paz, aqui está um grande segredo, eu sigo em frente pois Deus está no negócio.  Tio João, como é que se ouve a voz de Deus? Pergunta complexa de responder, mas eu posso simplificar. Deus geralmente fala pela voz de um pai, de uma mãe, por uma leitura bíblica e pela pregação do pastor. Ele não vai aparecer diante de você, se tem pessoas que Ele mesmo coloco na sua vida para cuidar de você.


Concluindo: é por isso que precisamos ser honestos com nós mesmos e fiéis em tudo ao Senhor, pois a orientação de Deus não é para todos. Pois, Deus não vai  orientar alguém cuja vida anda cheia de pecado feito de forma consciente e proposital. É preciso que haja  concerto com Ele,  um pedido de perdão sincero, para receber as orientaçõesdo Senhor.

Vou ficando por aqui. Um  abraço.

Tio João.





sábado, setembro 15, 2012

Boa Tarde Primavera



MEU QUINTAL ECOLÓGICO

Fotos de João Batista Cruzué

Goiabeira Vermelha
Folhas secas de goiabeira
as minhocas
Húmus de minhoca
Atemoia
O pé de chuchu 
A sociedade dos hortelãs

.
O verde  alegria do caqui

 

E o céu azul a espera da Primavera

15 de setembro de 2012

Andréia de Sousa - A menina que amava as palavras


LIVRO INFANTIL DE ANDRÉIA DE SOUSA.
"Toinha dos Inhamuns - A menina que amava as palavras"

Pastora Antonia Andrea de Sousa


Escritora Antonia Andrea de Sousa
Prefácio* de João Batista Cruzué.

Andréa é casada com Gerônimo de Sousa. São vizinhos da Cleo e do João Cruzué. Os Souza e os Cruzué são amigos há exatos 30 anos. Andréia se apaixonou pela Priscila, a primeira filha dos Cruzué. E orou durante muitos anos para carregar no colo o Joshua - o primeiro filho dos Souza. É dona de uma voz maravilhosa   e sempre foi apaixonada por crianças.  

Este ano foi muito significativo na vida da Andréia: para nossa alegria fomos presenteados, dia 21 de agosto 2012, com seu primeiro livro de literatura infantil: "Toinha dos Inhamuns - A Menina que amava as palavras", publicado pela Giostri Editora Ltda. 

Se eu pudesse resumir em um texto esta grande realização de Andréia, escolheria dois preciosos versículos do salmo 118: Este é o dia que fez o Senhor; regozijemo-nos e alegremo-nos nele. Foi o Senhor que fez isto e é coisa maravilhosa aos nossos olhos."

O Senhor lapidou a vida de Andréia para trabalhar com crianças de uma forma especial. Ela orou por mais de 16 anos para ter seu primeiro filho. Muitos ela perdeu. Participamos de muitas de suas frustrações. Uma, eu não poderia deixar de contar. Da vizinha que certa vez olhou para ela e debochou: Eu tenho dois filhos, e você que é crente não tem nenhum. Onde está o seu Deus? 

Não demorou muito para que os Sousa se alegrassem com a chegada do Joshua. E não ficou apenas no Joshua; dois anos depois veio a Rebeca para empatar com a Aline, minha segunda filha. Mas eles oraram e esperaram por mais de 16 anos, e Deus não  deixou Andreia envergonhada.

Esta espera produziu uma pérola de grande valor na vida da Andréia. Foi isto que o Senhor  fez.

O apelido da Andréia na família é "Toinha". Toinha de Inamuns, filha do grande Estado do Piauí -  a menina que aprendeu amar e agora,  escrever livros.

"Toinha ficava tão feliz quando o anjo vovô a colocava no colo e lia para ela livros pequenos de desenhos divertidos na capa e frases curtas que sempre terminavam com sons parecidos. O anjo vovô chamava os livros pequenos de folhetim. Depois a menina magrela descobriu que os sons parecidos eram rimas e os livros pequenos também eram chamados de cordel."

"Aquelas leituras tão expressivas fizeram a menina descobrir a beleza das palavras; agora ela não só queria ouvir, ela queria ler, descobrir, inventar, brincar com as palavras. Entendeu que as palavras moravam nos livros. Toinha agora tinha muita fome e sede de livros, queria livros, muitos livros, todos os livros que pudesse conseguir"

Agora vem a parte que mais nos sensibilizou minha esposa e eu:

"O anjo mamãe, por mais que curtisse o desejo de Toinha pelos livros, não tinha com quem compartilhá-los: não podia comprá-los. Toinha começou a procurá-los no lixo das casas daquela região de Inhamuns. Para ela, procurar livro no lixo era brincar de caça ao tesouro, comemorava a cada tesouro encontrado. Agora ela tinha muitas palavras, estreava uma palavra nova a cada dia, experimentava palavras nas mais variadas situações e em cada brincadeira."

Livros são como filhos. Este livro da Andréia  é o primeiro fruto de uma árvore frutífera a poucos dias da Primavera. Aos amigos e irmãos, peço que divulguem e comprem antes que acabe.



* Prefaciando o trabalho da Andrea neste Blog.


domingo, setembro 09, 2012

Pastor Youcef Nadarkhani já está em liberdade

 Foto: Jordan Sekulov
Pastor Youcef Nadarkhani - O abraço da esposa.

 Foto: Jordan Sekulov
Youcef Nadarkhani - Livre!

 
Tradução: João Batista Cruzué 

Ontem, 08.09.2012, foi um dia de celebração. Depois de permanecer na prisão por quase 03 anos sob ameaça de execução por sua fé, o Pastor Youcef Nadarkhani foi liberto da prisão e absolvido da acusação de apostasia. 

Pastor Youcef foi intimado a comparecer perante o tribunal ontem pela manhã, para responder pelas acusações feitas contra ele. Sua audiência durou quase seis horas. Mas no fim, ele foi liberto e pode voltar para casa, junto da sua família. 

Algumas fontes mais próximas do caso relataram que a Corte o absolveu da acusação de apostasia, mas manteve a condenação por evangelizar muçulmanos. De acordo com as mesmas fontes, a Corte o sentenciou a três anos de prisão pelo segundo "crime", mas levou em conta os  três anos que ele ficou preso, assim  sua pena foi considerada paga. 

As orações, o ativismo e a voz de muitos foram ouvidas. Por favor, continue orando pela segurança do Pastor Youcef. Junte-se a nós em  um movimento de 48 horas  de orações em favor da liberdade religiosa de muitos Cristãos perseguidos no Irã. Dias 22 e 23 de setembro 2012. À medida que mais informações surgirem a respeito da libertação do Pastor Youcef Nadarkhani,  nós continuaremos postando.

Nota: Foi o ACLJ -  American Center for Law and Justice (Ministério Pat Robertson) que deu ontem, em primeira mão, a notícia da libertação do Pastor Nadarkhani.






.

Taxa de crescimento dos evangelicos de 1940 a 2010


João Cruzué

Em 29.06.2012

Fiz uma tabulação de dados dos 27 gráficos das estatísticas oficiais  da religiosidade brasileira, disponibilizados pelo IBGE em 29/06/2012. 

A tabela é original.  Eu a  construí em ordem decrescente, dos estados com maior percentagem de evangélicos para baixo. Assim o Estado com mais evangélicos é Rondônia e o com menos crentes é o Estado do Piauí.

Mapa 1
Mapa Religioso Oficial do Brasil - Censo IBGE  2010

Agora, na tabela abaixo, calculei as taxas de crescimento anuais:

Mapa Evangelicos
Taxa média de crescimento de evangélicos de 1940  a 2010
Os evangélicos eram 26.184.941 em 2000 e  42.275.437 em 2010. Crescimento de  61,45%. Taxa anual composta de crescimento de 4,91%¹  ao longo dos 10 anos. A fórmula usada está circulada na figura abaixo.

1. raiz de x, índice y

Mantendo a mesma taxa de crescimento anual, estimo que evangélicos e católicos sejam iguais em número  por volta do ano 2033.

                   As maiores denomnações evangélicas
Analise
Evangelicos  por gênero e local de  habitação

João Batista Cruzué/Blog Olhar Cristão



João Cruzué, é Editor do Blog Olhar Cristão e Gestor da Associação de Blogueiros Cristãos.


                        Nota: para copiar esta informação, mencione nossa autoria.