sábado, agosto 15, 2009

Bem-aventurados os que escrevem


POR QUE LUTERO FOI TÃO LONGE
?

Photobucket
Joseph Fiennes - no papel de Lutero
João Cruzué

Assisti pela quinta vez ao filme "Lutero" e venho compartilhar minhas impressões sob um ângulo diferente. O caminho seguido por Lutero foi o mesmo que tantos outros santos homens trilharam e prosperaram sob a boa mão de Deus. Lutero, todavia, era um homem que escrevia muito.

Martinho Lutero, Oswald Smith, Carey, Wesley, Cho, Watchman Nee e o outro Lutero - Martin Luther King. Eram homens que oravam, pensavam, falavam, mas escreviam.

A Reforma Protestante aconteceu, primeiro pela vontade de Deus, depois pela força dos livros e tratados escritos por Lutero. Roma não pode mais conter suas idéias porque foram para o papel e dali para as mãos dos príncipes alemães. Nascia naquele tempo e lugar a imprensa, o recurso tecnológico que Deus deixou que os homens achassem para espalhar o Evangelho.

Deus fez o mundo pelo poder da palavra. Jesus o filho de Deus é o verbo encarnado que através do Seu Evangelho reconcilia os homens com o Pai, também pela força das palavras. A fé vem pelo ouvir e atrevo-me a concordar que também vem pelo ler.

Se você deseja impactar as pessoas: fale. Mas se deseja impactar o mundo: escreva. Michelângelo o grande pintor italiano chegou a levar bengaladas do Papa Júlio II porque demorava entregar a decoração da Capela Sixtina. Começou em 1508 e mostrou o resultado ao Papado no dia de Finados de 1512. Foi algo assombroso. As palavras também podem ser obras de arte sob a inspiração do Senhor.

A palavra falada pode alimentar por um dia, um mês, talvez durante um ano. Mas se se converter em um texto, poderá atravessar milênios e alcançar bilhões. Por isso, se gosta de escrever, atreva-se também a orar para que o Senhor lhe conceda graça para a produção de textos que sejam verdadeiras fontes de esperança.

Continue!

cruzue@gmail.com


3 comentários:

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro irmão João Cruzue,
A Paz do Senhor Jesus,

Parabéns pela postagem!
Seu texto é um incentivo a quem está iniciando a escrever.

Deus continue te abençoando.

Um grande abraço!

Seu conservo,
Pr. Carlos Roberto

Elaine Cândida disse...

Que forte empurrão acabei de ganhar com esse texto!

Eu precisava ler isso e ouvir Deus gritando comigo outra vez para continuar a exercer esse dom que Ele me deu de escrever.

Benditas são tuas palavras!

Obrigada por ser tão claro e objetivo.

Shalom.

GILSON ALVES SALES disse...

Incentivador