sexta-feira, abril 03, 2009

Marcha para Jesus 2009 - em São Paulo


Atualização 02.novembro.2009. 22:55h


MANCHETES EM PRIMEIRA PÁGINA

"Marcha para Jesus reúne 3 milhões de fiéis em São Paulo"
(O Globo - 19:30h)

PM revê número e diz que Marcha para Jesus reuniu 1 milhão em SP
(Folha de São Paulo - 20:46h)

(Nada)
(O estadão)

PM revê número e diz que Marcha para Jesus reuniu 1 milhão em SP
(Diário de São Paulo)

Marcha para Jesus reúne cerca de 500 mil pessoas em SP
(Jornal do Brasil - 14:20)


DIVULGAÇÃO DO BLOG OLHAR CRISTÃO
de João Cruzué

3day


crach
(para uso de seus pequenos)

João Cruzué

Atualização em outubro/2009

A marcha para Jesus 2009 na Capital Paulista não vai mais para Interlagos. Ela continua no mesmo lugar, o que é muito bom. Saída: às 10:00h, da estação Tiradentes do Metrô; destino: Santana - Praça Heróis da Força Expedicionária Brasileira. Quero aproveitar o momento, para deixar aqui minha opinião sobre a Marcha em São Paulo.

Há algum tempo eu gostaria de dizer algo.Quando os gays fazem a parada, eles se animam, se organizam, viajam de vários lugares Brasil até São Paulo para prestigiar o evento. Quando o Assunto é Marcha para Jesus eu vejo muita gente falando um "monte", principalmente contra.

Não tenho empatia pela liderança da Igreja Renascer em Cristo. Apesar disso, uma coisa precisa ser dita: A marcha é um ato de demonstração de fé em Cristo. Se os homossexuais conseguem levar milhões às ruas de São Paulo, os crentes também podem.

Que não me venham com desunião. (He he he)


As notícias da Marcha 2009

www.marchaparajesus.com.br

"O maior e mais importante evento do segmento gospel do Brasil acontece no dia 02 de Novembro, em São Paulo, e promete ser a maior Marcha de todos os tempos.

A Marcha para Jesus é um evento internacional e interdenominacional, onde milhares de evangélicos se reúnem anualmente nas ruas das grandes metrópoles do mundo para expressar a comunhão dos cristãos e também a fé em Jesus Cristo.

Em São Paulo – cuja população ultrapassou os 11 milhões, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) – acontece a maior marcha do mundo e no próximo dia 02/11/09, em que são esperadas mais de 5 milhões de pessoas, várias bandas e artistas do meio gospel se reúnem neste mega-evento.

Já confirmaram presenças as bandas Renascer Praise, Resgate, Perpétua Aliança, Ao Cubo, Banda do PA, Banda Cusm, Além do Véu, Militantes, Tempero do Mundo, Toque no Altar, Praise Machine, RM6, FLG e Katsbarnea. As cantoras Cassiane, Soraya Moraes, Mara Maravilha, Priscilla Alcantara, Talita Pagliarin e Denyse Bittencourt. Além dos cantores Régis Danese, Kleber Lucas, Marcelo Aguiar, DJ Alpiste, X Barão e Waguinho.

Com saída às 10h da estação Tiradentes do Metrô, a marcha terá sua concentração na Praça Heróis da Força Expedicionária Brasileira, em Santana, na Zona Norte. O trajeto terá oração e música com trios elétricos.

SERVIÇO
Evento: Marcha para Jesus 2009
Data: 02 de Novembro de 2009
Saída: Estação Tiradentes do Metrô
Início: 10:00 horas
Concentração: Praça Heróis da Força Expedicionária Brasileira
Término: 20:00h

HISTÓRIA DA MARCHA PARA JESUS



A Marcha para Jesus começou como “Marcha da Cidade” em 1987, na cidade de Londres e teve início pela amizade entre três grupos de evangelização: Pionner, Ichthus, a Jocum e um líder de louvor chamado Graham Kendrick. Os líderes daquela primeira marcha cedo perceberam que tinham iniciado, por acaso, algo que era do coração de Deus e que eles poderiam alcançar o mundo se fossem obedientes a Ele.

.

De início, esperando 5.000 pessoas para a primeira marcha, ficou claro que, quando 15.000 cristãos apareceram, vindos de diferentes Igrejas de toda a Inglaterra, para orar em Londres, debaixo de uma chuva torrencial, perceberam que Deus tinha algo muito maior em mente.

Outra Marcha de Oração foi convocada. Foi a primeira vez que usaram o nome “Marcha por Jesus”, e desta vez, 50.000 cristãos, de inúmeros grupos vindos da nação inteira, se juntaram para orar, adorar, e dar graças abundantemente Aquele que primeiro tinha se afeiçoado a eles.

Durante os próximos três anos as marchas se espalharam pelo Reino Unido. Inicialmente em 49 centros, que por sua vez geraram centenas de pequenas marchas. Marchas então, se espalharam pela Europa, América e finalmente ganhou o mundo. Sem restrições quanto a denominações, tradições de igrejas, diferenças se dissolveram e os corações se fundiram em um só. “Nós amamos Jesus” “Nós estamos aqui para proclamar para esta nação que Jesus é o Senhor.

Em 1994, aconteceu a primeira Marcha Global para Jesus e cerca de 10 milhões de Cristãos, de mais de 170 países, saíram com orações e louvor pelas ruas. Algumas delas celebrando com muita alegria e levando a mensagem de boas novas e esperança em Cristo Jesus. Outros eventos, por prudência, foram feitos com muita discrição e também houve eventos secretos.

Então, 14 anos depois da “Marcha da Cidade”, depois Marcha Global por Jesus, o “Jesus Day” de 10 de junho de 2000, uma onda maciça de orações quebrou sobre todo o planeta. Esta foi uma celebração poderosa do nascimento da primeira criança do milênio e pelos olhos de Jesus, as vidas de crianças nas sociedades espalhadas pelo Globo se transformaram em um foco especial de oração e doação a fim de que aquelas crianças em cada nação do mundo pudesse ter um futuro melhor.

Mais de sete milhões de pessoas, em milhares de comunidades, em cada continente, tomaram as ruas e proclamaram o Senhorio de Cristo sobre o novo milênio. Esta foi a maior celebração a Cristo coordenada em um ano de início de milênio.

Em junho de 2000 foi estimado que mais de 60 milhões de pessoas em 180 nações marcharam para Jesus.

Marchas para Jesus continuam em muitos países, em muitas e variadas iniciativas incluindo os Estados Unidos, agora chamada Jesus Day, milhares de pessoas se juntam para orar e marchar e exaltar o nome de Jesus.


No Brasil, a primeira Marcha para Jesus aconteceu em 1993, no Vale do Anhangabaú, com a presença de 350 mil pessoas. Em 2006, cerca de 3 milhões de pessoas marcharam para Jesus na Avenida Paulista, com a presença do Prefeito da cidade, Gilberto Kassab e do Governador Cláudio Lembo entre outras autoridades. A partir de 2007, A marcha tem acontecido tem acontecido em caminhadas do Vale do Anhagabaú, passando pela Prestes Maia, Av. Tiradentes até o Campo de Marte - na Zona Norte de São Paulo.

Desde o início, a Marcha para Jesus em São Paulo, tem sido coordenada pela Igreja Renascer em Cristo. Cabe aqui o registro, a bem da verdade, esta Igreja começou a atrair a ira da Rede Glogo em 2002, quando o ex-governador do Rio, Anthony Garotinho era candidato à presidência pelo PSB e tinha confirmado presença no evento.


Site oficial
http://www.gmfj.org/pages/home.htm


Tradução e reportagem: João Cruzué



15 comentários:

rebeca disse...

e atenção MARCHA PARA JESUS 2009 EM SÃO PAULO SERÁ DIA 2 DE NOVEMBRO COM A PRESENÇA DA BANDA THIRD DAY


A FONTE ÉO PORTAL RENASCER EM CRISTO


www.portalrenasceremcristo.webnode.com

Vai ser show demaissss

Anônimo disse...

Presidente Lula sanciona lei que institui o Dia Nacional da Marcha para Jesus: http://oblogdopresidente.wordpress.com/2009/09/03/presidente-lula-sanciona-lei-que-institui-o-dia-nacional-da-marcha-para-jesus/

Renato Jr. disse...

Com tanto à fazer pelo evangelho, com tantos quilômetros à "marchar" por Jesus e com tantas almas à ganhar, muitos se dão ao luxo de parar um dia de "serviço" pra ouvir profissionais promoverem suas imagens e fazerem marketing de seus Cd's, dizendo ser essa uma "Marcha pra Jesus".


Renato Jr.
www.blogrenatojr.blogspot.com

Joao Cruzue disse...

Para o Irmão Renato

Concordo com sua opinião. Mas não totalmente.

Por falta de boas lideranças, é isso que temos. E se não participarmos, embora constrangidos, ficaremos assistindo a marcha de outras associações.

Se os gays conseguem e fazem, me impressiona a atitude de uma parcela dos crentes.


.

NandoG3 disse...

Todo ano marcho e continuarei marchando. É uma forma de evangelizar - creiam ou não, Jesus salva, liberta e cura a alma nessa celebração. Como na igreja alguns vão sem propósito de adorar, mas vá e faça a tua parte.
Paz a todos!

OLHO VIVO disse...

MARCHA PARA GEZUZ
A INVEJA DO CONCORRENTE

Preocupa-me profundamente o titulo da matéria: "ARTISTAS GOSPEL SE REUNEM EM MARCHA PARA JESUS" e ai eu pergunto na minha simplicidade, será que Jesus precisa de alguma marcha para a sua auto-afirmação? Será que tal marcha não é apenas POLITICAGEM religiosa ou DEMONSTRAÇÃO de força numérica já que a espiritual está em falta no mercado? Artistas Gospel têm algum fundamento Bíblico? Nos Atos dos Apóstolos há registro de algum artista atuando em prol da pregação do Evangelho? Pelo que me consta a Palavra de Deus é muito clara quanto a este tipo de coisa que andam fazendo em nome da religião, mas poucos estão interessados em se informar sobre estas distorções e estes pecados. Neste caso fica evidente que os lucros de tal espetáculo falam mais alto...

Vejo que a secularização aliada à vulgarização do Evangelho tomou forma e já não há como combater esta desgraça que se abateu sobre o meio cristão; vejo também que não há qualquer interesse por parte de nossas lideranças, se é que as temos, de levantar uma bandeira para coibir de forma contundente este mercado da fé que se infiltrou nas nossas igrejas causando danos irreparáveis a fé cristã. Os gays criaram a sua “Parada do Orgulho Gay” e os evangélicos, com inveja e para mostrar que também podem se mobilizar para fazer bagunça, tiveram logo a brilhante(?) idéia de lançarem a tal “Marcha Para Gezuz”, ao invés da “PARADA DO ORGULHO EVANGÉLICO”, nome usado para não criarem uma briga com os gays que nada mais é do que uma cópia daquilo que acontece todos os anos na Avenida Paulista e que infelizmente tem se espalhado pelos quatro cantos do Brasil. Mas que a disputa é acirrada isto ninguém contesta! Tal marcha tem exclusivamente a intenção clara de fazer propaganda de tudo, política, comercial, religiosa e vai por ai afora, cada um quer a sua fatia nesta bagunça religiosa OPORTUNISTA que também está sendo manipulada e patrocinada por um bando de espertalhões que encontraram na religião uma forma de se promoverem e desenvolverem seus projetos pessoais. É obvio que o cristianismo Bíblico não tem nada a ver com esta bandalheira e com este movimento, há sim neste movimento uma religiosidade de formas, mas sem conteúdo que procura se firmar e fazer suas propagandas usando este artifício de uma “MARCHA PARA GESUZ” uma vez que a fé genuína anda meio combalida e esquecida nos porões de nossos templos. Os púlpitos preferem a farra para distrair o povão e vamos que vamos... O que há de fato é uma encenação generalizada de uma religiosidade materialista voltada para interesses que contrariam todos os princípios estabelecidos nas Escrituras, assim para não perder espaço para outros segmentos os POBRES evangélicos precisam se movimentar e inventar algo que possa atrair para os seus currais o maior número possível de adeptos pouco importando se são de fatos CONVERTIDOS ou CONVENCIDOS. Aliás, a palavra “CONERSÃO” foi literalmente banida do vocabulário evangélico e hoje não se ouve a sua pronuncia em púlpito algum, o negócio agora é SÓCIO PATROCINADOR que são tratados como tesouro por suas contribuições e recebem até promoções como bênçãos especiais e outras coisinhas mais. Valer ressaltar que os crentes modernos vivem de bobagens e de negociatas com Deus, tudo na base do “É DANDO QUE SE RECEBE” e aí vale tudo, inclusive participar de uma Marchinha barulhenta recheada a muitas hipocrisias numa das avenidas de nossas cidades.

Continua...

OLHO VIVO disse...

Continuação...

Perdoem-me, mas Evangelho é coisa séria e não merece ser tratado da forma como estão tratando os espertalhões religiosos, é preciso compromisso, mas acima de tudo de testemunho sincero e verdadeiro com uma vida que de fato possa expressar a presença de Deus dominando em todas as áreas. O que vemos são líderes(?) preocupados a cada ano em aumentar o número de participantes na tal Marcha e assim se a concorrência leva três milhões os pobres evangélicos têm de alguma forma conseguirem ir além, e neste caso vale tudo e aceita-se a participação de qualquer seguimento religiosos desde que se denominem por algum motivo, cristãos. Além dos transtornos, do Barulho, do incomodo geral, do comércio de toda natureza, da balburdia generalizada e dos prejuízos para o autêntico cristianismo que benefícios para o exercício da fé esta “Marcha Para Gezuz”.

Se de fato as afirmações ali feitas fossem verdadeiras, com o Brasil sendo do Senhor Jesus, não teríamos tanta corrupção, tanta imoralidade, tanto crime, e tanta injustiça sendo praticadas abertamente; não teríamos também tantos evangélicos contribuindo para isto como fazem os que se enveredam pelo caminha da política em nosso Brasil. Se fossemos uma nação do Senhor Jesus poderíamos andar, deitar e levantar sem termos que nos preocuparmos com o criminoso que anda aterrorizando a vida da população... Se o Brasil é mesmo do Senhor Jesus há algo errado com as nossas igrejas porque até elas de alguma forma transformaram a religião em um negócio lucrativo distorcendo-a de seus princípios originais... Não, o Brasil não é do Senhor Jesus, no entanto querem os evangélicos hastear esta bandeira por comodidade e por esperteza, para verem os seus lucros e suas igrejas crescerem numericamente - tal qual o rabo de cavalo - mas, sem espiritualidade ou compromisso algum com os ensinos do Mestre. O Salmista ao afirmar que: ”DO SENHOR É A TERRA E A SUA PLENITUDE, O MUNDO E OS QUE NELE HABITAM” - Salmos 24:1, não estava afirmando de forma alguma com isto que este ou aquele país poderia ser definido como do Senhor Jesus, até porque todo o universo pertence a Deus. O que precisamos entender é que uma nação como o Brasil, envolta em misticismos, em sincretismos religiosos e em uma profunda distorção dos ensinos Sagrados jamais poderá ser tratada como sendo uma nação do Senhor Jesus, isto é uma utopia que as nossas lideranças preferem não ver. Por outro lado a Bíblia afirma sim: “Bem-aventurada é a nação cujo Deus é o Senhor, e o povo que ele escolheu para sua herança” - Salmos 33:12, fato que não nos serve de base para declararmos o Brasil como escolhido do Senhor nem como sendo do Senhor Jesus.

A marcha do cristão não deve ser por avenidas perturbando a ordem e a paz da população, também não deve ser uma concorrência contra outras forças, o cristão deve sim marchar contra o mundo com testemunho sincero, verdadeiro e honesto, com uma vida de mostre realmente com que ele foi crucificado, que expresse com ações e atitudes que ele foi realmente transformado pelo poder de Deus. Assim, não precisaremos ir para as ruas gritar e incomodar para provar que somos um povo diferente, pois estaremos dominados nas nossas ações e nos nossos atos pelo Espírito Santo de Deus. O que falta na verdade é seriedade nas práticas cristãs com o evangelho voltando às suas raízes pregadas nos Atos dos Apóstolos e nos exemplos ali escritos.

Carlos Roberto Martins de Souza
crms2casa@hotmail.com

ANA RITA disse...

Queridos irmãos
Graça e paz a todos aqueles que já postaram comentários e também aos que ainda lerão esta notícia e as palavras que a seguir deixo registradas.
Amados, Com grande respeito afirmo:
1) JESUS, de fato, não necessita de promoção de nossa parte, mas lembrem-se: recebemos a ordenança para irmos e divulgar o evangelho; tal ordem veio do SENHOR DOS SENHORES, o Deus Criador;
2) Sendo criado por nossa "denominação" ou não, o fato é que alguém tomou para si a iniciativa, corajosa, por sinal, de promover um evento dessa magnitude. Vejo como sinal de intrepidez, que, afinal, é uma das características que deve permear um pregador do evangelho;
3) A Palavra nos assegurar que qualquer que seja a motivação, o nome glorioso do Senhor deve ser pregado, e, neste caso, creio que a razão é de verdade pregar a Palavra de Deus, nascido de corações comprometidos com o Evangelho de Jesus Cristo;
4) O "espetáculo", como os irmãos chamam, se não for por nós, o povo de Deus, levado às ruas, sem dúvida, será monopolizado cada vez mais por pessoas comprometidas com as mais diversas malignidades e licenciosidade que abundam em nossa sociedade, seviciando nossos filhos, jovens cheios de idealismos, esperando algo em que crer e a quem seguir. Não sejamos ingênuos para crer que o mundo não tem atrativos para "chamar" nossos jovens para algo tão "legal" e socialmente aceitável, mesmo que seja uma música ou prática nocivas a qualquer um que não tenha visto e ouvido uma "marcha impulsionada por politicagem evangélica";
5) Não temos falta de "boas lideranças no nosso meio, temos, sim, falta de UNIDADE e AMOR RECÍPROCO. Temos tratado às igrejas diferentes de nosso "idealismo cristão" como algo a ser combatido por serem diferentes de nós e de como pensamos. Ao invés de nos apoiarmos publicamente, nos criticamos e apontados os erros que nossos "adversários" cometem, afinal, somos os "escolhidos" e temos feito a vontade de Deus, diferentemente desses "marqueteiros";
6) A motivação de nossos atos deve ser a certeza de estarmos seguindo a Jesus Cristo, e disso não podemos nos esquecer. Nosso ideal está no céu, mas aqui na terra temos uma guerra santa, e diariamente nos levantamos, a cada dia Deus nos permite viver mais um dia, para a Sua Glória, não para nos digladiarmos entre nós, em constante "dedo em riste" contra os que, bem ou mal, mostram que estão fazendo a sua parte para envergonhar o inferno. Devemos ser aqueles que, embora tristes, cansados, divergindo do pensamento dos irmãos de outra denominação, combatemos o bom combate, nos unindo contra um inimigo comum, que é o mesmo que também odeia o Filho de Deus.
7) Não é um dia para "perder dia de serviço", mas de sacrifício, por um lado, e coragem, de outro. Sacrifício porque quem vai estará sujeito a se molhar, se chover, se queimar, se fizer sol; coragem porque acham os irmãos que é fácil ser alvo de pessoas que se insurgem contra o ato, chamando-o de "ato de aproveitadores", "oportunismo evangélico"? Isso sem falar daqueles que dirigem palavras de baixo calão, visto que o trânsito fica "intransitável".
Irmãos, enfim, não vão à Marcha se se sentirem constrangidos, vão, sim, porque sua convicção num DEUS que usa até as pedras para falar o que ELE quer é tão maior que as motivações humanas, pois, afinal, o Evangelho de Jesus Cristo é o que importa, mesmo que quem o pregue não me seja simpático.
"Não por força, nem por poder, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos Exércitos" (Zc. 4.6)
Se sentirem que o Senhor é maior que as rivalidades humanas e desconfianças doutrinárias, conclamo a todos a irem à Marcha PARA JESUS. Eu estarei lá, anônima, afinal, não sou pessoa famosa, não estarei em cima de alguma carro nem tampouco no palco para cantar ou "fazer marketing". Não canto, não sou líder de qualquer igreja, não sou "ninguém", somente alguém que ama a Jesus mais do que a qualquer outra coisa ou pessoa.
No amor de Jesus Cristo me despeço, desejando a todos que minhas humildes palavras possam fazer com que alguns poucos reflitam. Amo a todos.

OLHO VIVO disse...

MARCHA PARA GEZUZ III
A PASSARELA DA “MODA” RELIGIOSA

“Porque clamas a mim? Dize aos filhos de Israel que “MARCHEM” - Josué 14 : 15

“Ora, quando Faraó deixou ir o povo, Deus não o conduziu pelo caminho da terra dos filisteus, se bem que fosse mais perto; porque Deus disse: Para que porventura o povo não se arrependa, vendo a guerra, e volte para o Egito; Mas Deus fez o povo rodear pelo caminho do deserto perto do Mar Vermelho, e os filhos de Israel subiram armados - arregimentados - da terra do Egito” - Êxodo 13:1 e 18.
.
A marcha do povo de Israel pelo deserto mostra com exatidão a ação do poder de Deus na sua intenção de conduzir o povo à TERRA PROMETIDA. Para levar o povo a Canaã ele escolheu Moisés, um homem especial desde o seu nascimento. Durante a “MARCHA” era evidente nos fatos e acontecimentos a presença literal de Deus junto ao povo. Questionado quanto ao sucesso de sua missão Moisés responde: “O Senhor pelejará por vós, e vos calareis” - Êxodo 14 : 14.

Depois da morte de Moisés, Josué seu substituto reúne o povo e orienta a como deveriam proceder durante a “MARCHA”: “...prudentemente te conduzas por onde quer que andares” - Josué 1 : 7, ele ainda conclama o povo a mudança de vida: “Santificai-vos, pois amanhã o Senhor fará maravilhas no meio de vós” - Josué 3 : 5.

Durante a jornada ou a “MARCHA” pelo deserto, fatos curiosos e relevantes foram se sucedendo e o povo experimentava a glória de Deus, tudo isto porque eram escolhidos para aquela missão. Desafios foram superados, lugares difíceis e inóspitos; e o mais temido, o deserto. Aquela “MARCHA” tinha objetivos definidos, chegar a Canaã; Tinham um único líder, ora Moisés, ora Josué; Tinham identidade, eram o “POVO DE DEUS”; Havia unidade de propósitos e se houve ESPETÁCULO ou SHOW foi a manifestação do poder de Deus provendo proteção total aos seus escolhidos. Entre eles não havia “ARTISTAS” nem tão pouco “ASTROS”; Não tinha “TRIO ELÉTRICO”; Não havia comércio e nem oportunistas querendo tirar proveito da situação! Deus era o CENTRO das atenções e assim foi durante os anos de sufoco passados no deserto desafiando o impossível. Moisés e Josué transmitiam o recado de Deus ao povo, hoje homens transmitem os seus PRÓPRIOS RECADOS á multidão extasiada com a festança.

O “EXODO” foi o cerne do Velho Testamento, Deus não conduziu o povo pelo caminho mais fácil aos olhos deles, mas pelo mais eficiente e seguro, pelo mais produtivo nas questões espirituais, pelo DESERTO. Diante de nossa tendência à busca das coisas fáceis, Deus nos empurra para as coisas como elas são, densas, tensas, sérias, difíceis, profundas. Só assim compreenderemos a vida como ela é. Deus sabe que buscamos evitar as lutas, como no caso do Êxodo. Deus sabia que ao ver a guerra a ser travada, o povo Hebreu sentiria a tentação do fácil, a volta para o Egito, esquecido da tragédia que foi sua vida lá. Gostamos de sermos protegidos das coisas como elas são, e quando elas vêm, acabamos derrotados por elas. As experiências verdadeiras nos tornam mais próximos do Deus verdadeiro, não dos deuses feitos à nossa imagem e semelhança; dos outros, como eles são, e de nós mesmos, como nós somos. A “MARCHA” do povo pelo deserto deveria ser o modelo para a nossa jornada hoje.

Continua...

Anônimo disse...

Não adianta colocarmos pontos negativos ou positivos para a "Marcha para JESUS",o que importa é que por anda a corrente humana que estão "marchando"muitas coisas vão acontecendo de bom, pois o agir é do ESPIRITO SANTO.Quanto ao lado político de tal evento,o que na vida não é politicagem,não tenha on lado político?Lembremos que o Senhor foi cruxificado não como um ato momentâneo,mas sim através de seguimentos políticos.A biblía relata em seu conteúdo todo,uma ação política.Quanto ao interesse que está por trás de uma grande parte da liderança confirma realmente que a política é uma regra de fé.Devemos como cristãos jamais ser coniventes com atitudes que não condizem com o Evangelho pleno tipo maus testemunhos de certas lideranças,nem cairmos na alienante postura de idolatrarmos certos lideres evangélicos,ministérios,artistas,estilos musicais "gospel"e outros ícones evangelizadores.Devemos sim,fazer a diferença que o SENHOR nos conclama:SER LUZ DO MUNDO,SAL DA TERRA.O resto, que o SENHOR julgue e não nós. PAX IN YESHUA.

jailson perira de souza disse...

ola graça e paz ,ja participei da macha pra jesus em Belem foi uma bençao, e concertesa essa deste ano ai em sao paulo vaiser tremendo o poder de Deus ,,,,,parabens para a ig renascer estarei orando por todos.

jailson pereira de souza
IG batista missionaria
Pacaja Pa

Diego disse...

Bençãooooooooooooooooo EU VOU MARCHAR POR JESUS

Anônimo disse...

a biblia fala que nois faria coisas mais e maiores ,como eles naum tiveram a coragem de ousar fzem criticas, os fariwseus e os escribas tbem criticavam e ivejavam a cristo porisso o crucificaram eu louvo Deus por esse povo que a cada dia conquista p o senho

Musik top disse...

acho q ninguen muda os pensamentos de ninguen ... Já trabalhei varias veses na marcha pra Jesus Sei o q é pagar o Preço Pra acontecer um evento como Esse. Mais contudo ninguen quer ganhar crédito com isso, nós (evangelicos) fazemos esses eventos como marcha pra Jesus , sos da vida pra exaltar o nome de Jesus e com isso resgatar vidas para Serem ABENÇOADAS , para terem a familia restaurada .. Como um dia isso aconteceu comigo, Quem não vive não sabe , não tem noção do quanto marchar pra Jesus é boom do quanto isso muda a sua vida.. do quando louvar a Deus Com todos os ritmos em todos os momentos Junto Com o povo de Deus!


MARCHA PRA JESUS 2009

EU VÔ !!

Dc mara
São paulo Sp

Brenda Ligia disse...

Eu também vou!
E é daqui a pouco.