sábado, junho 15, 2013

A oração do evangelista Moody


"GRAÇAS A DEUS! ENCONTREI UM PECADOR"


O grande evangelista norte-americano Dwight Lyman Moody foi um dia visitar a penitenciária de TOMBS na América. 

O homem de Deus aproximou-se da primeira cela e lá estava um homem. O evangelista perguntou-lhe: “Meu amigo, por que você está aqui?” e a resposta foi: “Sou inocente, não cometi crime algum. Fui envolvido em um processo e agora estou preso injustamente”. Moody olhou bem para aquele homem e disse-lhe: “Até logo...”

Foi à outra cela. Outro prisioneiro. “Amigo, por que você está aqui?”. “Injustamente; sou inocente”, foi a resposta. Moody foi a terceira cela. E veio novo diálogo: “Amigo, por que você está aqui?” “Sou inocente, nada fiz, injustiça das autoridades, não tenho culpa”.

Moody despediu-se do homem e foi à quarta cela, e lá também estava um “inocente”; foi à quinta e sexta e sétima, e até cinqüenta, e todos eram “justos” e “inocentes”. Moody já estava desanimado, preparando-se para deixar o presídio quando se dirigiu a mais uma cela, onde estava encerrado um homem desesperado e aflito.

O pregador perguntou-lhe: “Amigo, por que você está aqui?”. “Ah, meu senhor, eu sou um assassino, um vil pecador. Matei meu vizinho numa hora de raiva, e agora minhas mãos estão manchadas de sangue, e só mereço o inferno”.

Moody exclamou: “Graças a Deus! Encontrei um pecador.” A cela foi aberta e Moody entrou e ficou com o detento; abrindo-lhe a Bíblia e mostrando-lhe que Jesus veio exatamente para salvar os pecadores, portanto para aquele criminoso. O detento de Tombs naquele mesmo dia aceitou Cristo como seu Salvador e foi liberto do terrível pecado que tanto o torturava.


Pense nisso!

2 comentários:

Solange Padilha disse...

Muito bom ler esse testemunho de Moody, edificante, é o que Deus espera de nós, confissão e arrependimento, para a Salvação!

Joao Cruzue disse...


Obrigado pela visita e pelo comentário, Solange.

A paz!