sábado, maio 15, 2010

Por que Deus usava Moody?


R. A. Torrey


Tradução: João Cruzué

"O grande segredo porque Dwight L. Moody foi um homem tão usado por Deus, pode ser encontrado no Salmo 62:11 "Uma vez Deus falou, e duas vezes eu ouvi: "Que o poder pertence somente a Deus". Eu me alegro porque o poder não pertencia a Moody, nem a Charles Finney, nem a Lutero, nem a qualquer outro cristão, a quem Deus tenha usado tão grandemente na história mundial. Se Moody pregava com grande poder, e isto ele fazia, ele o recebia de Deus. Mas como foi que fez para que aquele poder se manifestasse de forma tão maravilhosa em sua vida? Ponderando sobre este assunto, parece que havia sete coisas importantes em sua vida para que Deus o usasse tão grandiosamente.

1 . Moody era completamente submisso a Deus.

Isso não quer dizer que ele fosse perfeito, porque ele não era. Nem que fosse um homem sem falhas, porque ele as tinha. Mas apesar disso eu tenho que reconhecer que ele era um homem que pertencia inteiramente a Deus.

2 . Moody era um homem de oração

As pessoas viajavam milhas e milhas de distância para ouvi-lo pregar, e ele era um maravilhoso pregador. Mas devo reconhecer, porém, que ele era de longe um homem muito melhor de oração do que um pregador.

3 . Moody era um estudante da Bíblia

De forma profunda e prática. Ele não era um estudante de psicologia, nem de antropologia, ele não tinha idéia do significado dessas palavras. Ele não era um estudante de biologia, nem estudava filosofia, ele nem mesmo foi um estudante de teologia, no sentido técnico do termo, mas ele era estudante de forma profunda e prática do livro que tem maior valor do que todos os outros livros juntos. Moody era um estudante da Bíblia. Ele acordava todos os dias às quatro da manhã para estudar a Bíblia. Ele costumava dizer para mim: Se eu tiver que fazer algum estudo, eu tenho que fazê-lo antes que as pessoas estejam de pé.

4 . Ele era um homem humilde.

Ele gostava muito dessa frase: A fé leva ao máximo, o amor trabalha no máximo, mas a humildade conserva no máximo". Nas convenções de Northfield, ou em qualquer outro lugar, ele sempre procurava ficar em segundo plano, empurrando os colegas para pregar; McGregor, Campbell, Morgan, Andrew Murray, e o restante deles. A única maneira que conseguíamos incluí-lo em algum programa era quando nos levantávamos e fazíamos menção de que nós queríamos ouvi-lo na próxima reunião. E quando ela chegava, ele ficava novamente fora de vista.

5 . Moody não tinha apego ao dinheiro.

Ele amava ajuntar fundos para a obra de Deus, mas o dinheiro não tinha nenhum charme para ele. Ele me disse durante a Feira Mundial que se ele quisesse ficar com o dinheiro de seus direitos autorais sobre os hinários que publicava, naquela época teria feito mais de um milhão de dólares. Mas ele se recusava a tocar naquele dinheiro, embora tivesse todo o direito de cobrá-lo.

6 . A paixão pelas almas perdidas o consumia.

Ele fez um compromisso, tão logo ele fora salvo, de não deixaria passar 24 horas sobre sua vida sem que pelo menos falasse para uma pessoa sobre a salvação de sua alma. Certa noite, Moody estava saindo do escritório para voltar para casa, quando lhe veio à mente que naquele dia ele não tinha falado de Jesus para nem uma pessoa. "Um dia perdido" - ele disse para si mesmo. Mas, enquanto ele caminhava pela rua, avistou um homem de pé, debaixo da luz de um poste. Ele parou junto do desconhecido e perguntou: "você é um cristão?" E o homem respondeu: "Isto não é da sua conta, se eu sou ou não um cristão" Se você não parecesse com um pregador eu bateria em você e o atiraria na sarjeta pela sua impertinência." Moody lhe disse umas palavras sérias e prosseguiu.

As Semanas passaram-se. Uma noite Moody estava na cama quando e ouviu uma tremendo barulho na porta da frente. Ele pulou da cama e apressou-se à porta. Pensou até que a casa estivesse pegando fogo,pois alguém tentava derrubar a porta. Assim que ele abriu a porta lá estava aquele homem. Ele disse: "Sr. Moody, não consegui mais dormir direito desde aquela noite que o senhor me fez uma pergunta debaixo daquele poste, é por isto que estou aqui nesta hora avançada da noite para você para dizer-me o que é que eu tenho de fazer para ser salvo. Então, ele aceitou Jesus. Em seguida a guerra civil explodiu. Aquele homem foi para o front e perdeu sua vida lutando pelo seu país.

7 . Definitivamente Moody era cheio do poder do alto

Porque depois da conversa que ele teve com a Tia Cook e a senhora Snow, Moody buscou a presença do Senhor e recebeu Batismo com o Espírito Santo. Deus usava Moody com grande poder, porque o Espírito Santo era sua fonte de poder".


Texto resumido - Reuben Archer Torrey

Fonte: Texto em inglês


Mais sobre Moody no Blog Olhar Cristão

1 . Graças a Deus! Achei um pecador

2 . O bom humor de Dwight L. Moody


cruzue@gmail.com


Um comentário:

Cleverson disse...

Amado Pastor João. Este homen foi muito usado por Deus. Esta semana fiquei bastante pensativo referente a meus estudos,estou cursando Logistica, sei que deveria me ater as coisas do céu, porem o bem que quero fazer não faço, mas o mal que não quero este faço. Estudo diariamente a Biblia mas sei que sempre estou em divida com Jesus. Vendo esta postagem sei que sou muito falho com Deus. Irei me dedicar mais as coisas do Céu.

Sou carente de vossas orações.
Em Cristo.
Cleverson