sábado, fevereiro 06, 2010

Missão Resgate Orfãos do Haiti - Adoção ou tráfico de crianças?

.
Pastor Clint Henry - Igreja Batista Central Valley, Idaho

The Christian Science Monitor

Tradução de João Cruzué

A Prisão de 10 menbros da Igreja Batista Central Valley de Meridian, Idaho, pela tentativa de levar 33 crianças haitianas através da fronteira para a República Dominicana, no final de janeiro 2009, sem a documentação necessária, se transformou em um rumoroso incidente internacional. Por que um caso de adoção se transformou em tráfico infantil? Grande dor de cabeça para o Pastor Clint Henry, líder da Igreja de Idaho, que constantemente é requisitado para responder às perguntas da imprensa internacional.

Esta questão seria a última que um país notoriamente mal-equipado, financeiramente destruído, e sub-governado precisava, para atrapalhar o foco dos esforços mundiais para remediar os efeitos do grande terremoto de 12 de janeiro 2009, que matou mais de 200 mil pessoas somente em Porto Príncipe - Capital do Haiti. Esforços para levar alimentos, abrigo e segurança para mais de um milhão de pessoas sem abrigo, por causa do terremoto.

Os membros do Refúgio de Crianças Nova Vida disseram que apenas tentavam oferecer uma vida melhor para as crianças e negaram que o grupo tivesse feito algo errado. Mas o problema da falta de documentação e permissão adequadas levaram as autoridades a entender que tecnicamente se enquadrava como tráfico infantil. E em um país paupérrimo onde o comércio ilícito explodiu nos últimos anos, as autoridades estão levando isso isto muito a sério.

O Primeiro Ministro Max Bellerive acusou o grupo de fazer tráfico ilegal de crianças.

"Isto é uma "abdução" e não uma adoção", disse o Ministro de Relações Exteriores Yves Christallin, esclarecendo que crianças precisam de autorização do ministério para deixar o país.

Também o Secretário de Justiça Amarick Louis disse que uma Comissão se reuniria hoje se o Grupo New Life poderia sair, antes do julgamento. Entretanto o grupo está orando por um pouco de leniência.

" Nós cremos que a verdade será manifesta, e estamos orando por isto."

De volta à Igreja Batista Central Valley de Idaho, de onde saíram cinco dos dez missionários presos no Haiti, o Reverendo Pastor Clint Henry disse à CNN que toda a comunidade foi muito afetada pelos acontecimentos, mas que está orando por um entendimento. O Pastor Henry disse: Nós estamos orando para que o motivo e intentos sejam claramente entendidos pelas Cortes do Haiti.

Fonte: C.S.Monitor
....

Comentários: Com milhares de crianças órfãs sobrando no Haiti, este rumoroso bate boca de algumas autoridades do Haiti está cheirando ao ranço de uma velha burocracia. Isto não pode ser a notícia principal dos jornais em todo o mundo. A imprensa se esqueceu até das mazelas do grande terremoto de 12 de janeiro por causa deste assunto. E por outro lado, a pressa de uma dezena de cristãos da Igreja Batista de Idaho que se esqueceram do óbvio: crianças não podem ser levadas sem a documentação exigida pelo Ministério da Justiça do Haiti. E pior, algumas crianças diziam que seus pais estavam vivos. Se estavam, por que não cuidavam de suas crianças? Que isto sirva de experiência para tantos outros missionários que trabalham em outros países do globo. É preciso prudência e muito cuidade neste assunto de adoção, para que não se torne em confusão!

João Cruzué


.

3 comentários:

Pastoragente disse...

Graça e paz, Pr, João!
Vim conhecer seu Blog e quero parabenizá-lo pelo bom e lúcido trabalho que desenvolve aqui.
Já estou seguindo.
Venha dar a honra de sua visita no PASTORAGENTE.BLOGSPOT.COM e, se quiser seguí-lo, vai ser uma alegria para mim.
Lá eu exponho da forma mais realista e divertida possível as situações, dúvidas e experiências de uma simples pastora como eu.
Fique na paz e um 2010 abençoado para você e toda sua família.
Abração!!!

Lucinete disse...

Graça e Paz seja convosco! Que blog abençoado!
É triste ver o destino dessas crianças. Se eles quisessem realmente ajudá-las não estariam mandando para adoção em outros países tão longe...

Saymon disse...

Paz seja convosco,

È realmente uma lastima, o mundo anda tao corrompido que a simples palavra de pessoas de bem não valem de nada,é triste o destino destas crianças, cabe a nós orar por elas,

Comecei um blog tambem, postarei semanalmente, estou editando ainda

http://sayminhoo.blogspot.com

Da uma passada lá, Deus abençoe