terça-feira, junho 09, 2009

Egoísmo na blogosfera evangélica

.

João Cruzué

Sou compelido a fazer esta crítica para expressar opinião sobre uma atitude que discordo veementemente. Uma blogosfera elitizada só para duas dúzias de blogueiros evangélicos. Eis as razões.

A WEB não foi criada por pesquisadores evangélicos. Os 13 servidores que administram o consórcio da Rede Mundial de Computadores não são custeados com dinheiro de evangélicos. As três maiores plataformas de criação gratuitas blogs disponíveis, não são de empresas evangélicas. Usamos precariamente esta supertecnologia virtual de f-a-v-o-r.

Os blogs, páginas online de comunicação digital globalizada, não são produtos da generosidade evangélica. Estão a nosso serviço, enquanto geram receitas de anúncios para seus donos. Nem anúncios nós pagamos.

Por isso, quando vejo alguns blogueiros, egoístas, presunçosos, pseudos-intelectuais, bramando contra a democratização e a popularização do uso de Blogs por toda e qualquer liderança evangélica, eu não posso concordar. Quem nada contribuiu para que esta bênção esteja ao alcance de todos, não tem o direito de escondê-la só para si. Ou para seu clubinho de admiradores.

Concordo quando dizem que não se pode sair por aí postando asneiras. Baboseiras. Frases que agridem a língua portuguesa. Mas pior que isso seria uma visão elitista. Narcisista. Injusta. Quem nada fez para disponibilizar uma WEB.3 democrática a alcance de todos, precisa levantar a cabeça. Erguer os olhos. Olhar os campos e deixar de olhar para baixo, para o próprio umbigo. Atitude mais justa e coerente com um caráter cristão seria ensinar o uso deles.

Nós, da UBE - União de Blogueiros Evangélicos, não concordamos com esta visão míope. Da mesma forma que Deus iluminou a mente de Gutemberg. Para inventar a imprensa e editar a Bíblia Sagrada, a fim de popularizar sua leitura. Também temos um projeto em que Blogs devem ser popularizados entre as lideranças evangélicas.

Chegou a hora da publicação maciça da Palavra de Deus para a geração "Msn".

Os que são contra, estão desconsiderando o passado. A Reforma. Lutero. O início da fé evangélica. Alguém precisava reafirmar esta verdade, para combater mais este
sofisma. Os Weblogs não devem ser privativos de meia dúzia de blogueiros "evangélicos" egoístas. Cada liderança evangélica, precisa de um blog, para pelo menos contar, usando as próprias palavras, quão grandes coisas o Senhor tem feito por ela.

.

13 comentários:

Fabiana Amaral disse...

Prezado Cruzue,

Concorco com você neste texto, fiquei curiosa quanto ao que o levou a escrever? Existe alguma outra crítica por escrito que o tenha inspirado?

Fabiana

Eliseu disse...

João

Os insatisfeitos com a democratização dos blogs perece ser os mesmos que se comportam como se as ovelhas de Cristo fossem ovelhas deles. Os mesmos que confundem o valor dos mandamentos de Cristo e dos estatutos das suas denominações. Invertendo a ordem de qual vale mais.

Eu tive o dissabor de cruzar com pessoa assim na esfera virtual. No blog da tal pessoa só é permitido elogiar, as críticas, mesmo que construtivas, o meu caso era esse, jamais são publicadas.

A noção que recebi desta experiência é clara. Blogueiros com o perfil que tive contato estão acostumamos com os monólogos dos púlpitos, com a confecção e vendas dos seus livros e de seus artigos em periódicos, mas ainda não se sentem bem com a interatividade dos blogs, que permite contra-argumentações. Então, passam a combater seus próprios irmãos em Cristo e deixam de lutar contra o mundo, o pecado e o diabo. Infelizmente...

Abraço.

Eliseu Antonio Gomes
http://belverede.blogspot.com/

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro irmão João Cruzue,
Graça e Paz!

Concordo plenamente.
Muitos estão começando escrever através dos blos e se tornarão grandes escritores.
Quem viver verá!
Creio que todos precisamos evoluir, procurando fazer as coisas da melhor maneira possível, mas a única maneira é começando.
Particularmente, não tinha lido qualquer crítica a respeito desse assunto, porém, se o prezado irmão chama atenção para esse tema, com certeza sabe do que está falando.
Parabéns!
Um grande abraço!
Pr. Carlos Roberto

fox disse...

Parabéns Cruzué!

O ciúme e a auto-valorização do próprio umbigo faz com que "crentes" queiram tomar posições estranhas ao evangelho de Cristo.


Apesar de não saber de onde surgiu esta imbecilidade já que o único blog cristão q acompanho é o seu, não posso nem sonhar em concordar com uma atitude deste tipo, nem no meio evangélico nem em qualquer outro meio.

Essa sua postura séria é necessária em momentos de ameaças à nossa liberdade cristão.

Deus abençoe,
Leandro Araujo

Leonardo Gonçalves disse...

Prezado irmão João Cruzue,

Há tempos sem comentar por aqui, devido às tensões do passado, mas reafirmando que nada tenho contra a sua pessoa ou contra a UBE. Divergimos em idéias, mas somos irmãos em Cristo.

Me chamou a atenção o seu texto, porque na minha humilde opinião ele toca um ponto chave na edição de weblogs: a falta de conteúdo cristão de qualidade na blogosfera. Meses atrás me atrevi a escrever um texto que, em um tom "levemente" irônico, discorre sobre o tema. O título é: "Blogs em 50 vezes, sem entrada e conteúdo!". Intencionalmente polêmico, o texto visa sucitar um debate, um compartilhamento de idéias com o intuito de melhorar o conteúdo dos blogs cristãos, e não apenas aumentar o volume de blogs evangélicos na Rede. Creio que as três comunidades de blogueiros (UBE, BC e CNBC) pouco tem feito no sentido de instruir os blogueiros.

A recente iniciativa da UBE, em oferecer um curso de blogs é louvável, e espero sinceramente que as outras duas comunidades também sejam movidas pelo mesmo interesse. Detesto clicar em um monte de links de blogs sem conteúdo, sem uma grafia fluente, um emaranhado de idéias desconexas... Porém, aconselhar a estes blogueiros a desativar suas contas não é o caminho.

Acho que este é um problema fácil de resolver: Basta com "ensinar o caminho das pedras". Fazendo assim, amanhã não haverá nenhum blogueiro para se queixar da multiplicação dos blogs sem conteúdo entulhando a rede. Ninguém nasce sabendo, nem mesmo nós.

Abraço fraterno,

Leonardo.

Jadhi Blu disse...

Irmão Cruzué,


concordo com suas palavras e apoio esta causa que é nossa.

Jadhi

Joao Cruzue disse...

.

Quero agradecer os comentários dos blogueiros, que ainda têm tempo para me honrar com suas leituras e muito mais com seus comentários.

Apesar de ter escrito isto agora, este assunto é bem antigo. Eu já conheço esse modo de pensar (criticado acima) há uns três anos. Infelizmente quem andou (ou anda) por esse caminho egoísta, paga o preço do isolamento.

Como disse, lá por 2005, 2006 alguns blogueiros eram tão "intelectuais" que desprezavam quem estava começando. Fiquei impressionado com o resultado: eles não progrediram.

Vou terminar dizendo que ninguém gosta de ouvir críticas. Mas sempre que elas fluem, nós melhoramos nossa visão. Por essa razão, às vezes, uma crítica franca e LEAL, é um santo remédio para que quiser prosperar.

Obrigado de coração.


João Cruzue.


.

Agnaldo disse...

Sonho com uma blogosfera cristã forte e de qualidade.
Quando comecei o meu blog, cometia vários erros e até hoje ainda estou aprendendo.
A qualidade vem com o tempo e os blogs cristãos em breve não ficarão devendo nada para os seculares.

Na Paz de Cristo,
Agnaldo Gomes publicou um post sobre.. Viver Como Noé

remanecente disse...

a páz do Senhor irmão crozué,fico a me perguntar qual valor espiritual que á em criar um blog evangélico quando eu desejo que minha palavra seja imperativa inviabilizando qualquer possibilidade dos demais irmãos em Cristo de postarem seus ponto de vista biblico com relação aos assuntos abordados,entendo como um grande derrespeito para com Deus e a cristandade;Deus seje louvado por sua iniciativaque esses irmãos ouçam efesios:desperta tu que dormes e Cristo vos esclarecerar!!!.

Wilma Rejane disse...

Graça e paz, João Cruzué!

Não apenas apoio sua opinião como também concordo com ela.

Os blogs estão ai para serem instrumentos na pregação do Evangelho. Cada blogueiro tem seu estilo, suas peculiaridades. O que é considerado ruim para uns, pode não ser para outros.

Viva a democratização dos blogs! Que permite a exposição de idéias do "Phd em divindades" e do "soldado do exército de adulão". Aquele exército, formado pelo Rei Davi com "fracotes" que ganharam muitas batalhas. Esse É o nosso Deus. Faz do fraco, forte. Na blogosfera, não é diferente.

Deus nos abençoe, multiplicando soldados por todo o globo terrestre, blogueiros de Cristo. Aleluia!!!

Joao Cruzue disse...

.

Obrigado pela sua opinião, Sr. Remanescente. Seu ponto de vista é muito coerente.

.

Joao Cruzue disse...

.

Oi Irmã Wilma,

Gostei do comentário "O que é considerado ruim para uns, pode não ser para outros."

Nem todo mundo entende ou gosta de um texto com uma linguagem de comunicação dirigida para as "elites" evangélicas.

O que tem por princípio DEMOCRATIZAR não pode ser motivo de "Cala boca".

Deus lhe Abençoe.

Felipe Wandork disse...

A intenção de quem escreve um blog evangélico deve ser a de divulgar a palavra de Deus, de forma a alcançar os corações e mentes.

O tempo é curto e em breve Jesus voltará. Temos que divulgar a palavra, seja através de um microfone em um púlpito ou em praça pública, como também no msn, orkut, blog, twitter, sms e o que mais a tecnologia permitir. O importante é pregar a palavra a toda criatura.

A paz do Senhor Jesus Cristo seja com todos!