domingo, maio 03, 2009

Carta de uma blogueira evangélica no Japão

Amendoeira
Estação da primavera no Japão.

Por Cíntia Kaneshige


Oi sr. João,

Em primeiro lugar gostaria de agradecer pelo email. Em segundo lugar tenho orado para que Senhor o capacite a administração dos blogs e de todas as suas atividades.

Falando particularmente, aqui em casa está tudo bem. Meu esposo voltou a trabalhar semana passada depois de um mês em casa. Deus não deixou nada faltar neste mês! As crianças estão bem,a pequenininha está sempre com uma gripezinha ou com a garganta irritada por causa do tempo.

A situação econômica vem se estabilizando muito lentamente. A reação muito passiva do governo não é a esperada pela população. O país inteiro está ressabiado, com medo de tudo e todos. Casos como o possível míssil da Coréia do Norte e a gripe suína que ainda passa longe daqui, deixaram as pessoas histéricas e receosas.

Quem foi atingido pelo desemprego, continua desempregado e com poucas chances de recolocação no mercado de trabalho. Províncias como a de Toyota, onde funciona a montadora de carros com o mesmo nome, têm índices alarmantes de desemprego, em principalmente para os estrangeiros.

Mas em algumas províncias, pessoas têm conseguido contratos para serviços temporários. Algumas fábricas estão recontratando antigos funcionários, mas ainda andamos na corda bamba, pois nenhum contratante está mais fazendo longos contratos de serviço. Apenas contratos de um mês e muitas reduções de salário e na carga horária.

Há muitas pessoas desabrigadas passando necessidades, mas o governo tem ampliado o setor de informações sobre subsídios e auxílios que existem na legislação, bem como as medidas emergências para tentar amenizar os efeitos da crise.

O governo do Japão fez uma proposta polêmica aos dekasseguis (descendentes estrangeiros): ofereceu uma ajuda de custo para regresso ao país natal a cada integrante da família no valor de Y300 mil (cerca de US$3,000) para o chefe de família,e mais Y200mil (US$2,000) para cada dependente. Mas a condição para aceitar este dinheiro é ter o visto retirado. Quem aceitar este dinheiro não terá mais direito a entrar no país.

Por esse motivo, muitas pessoas têm hesitado em aceitar a proposta, apesar de ser uma boa quantia em dinheiro. A maior parte tem esperança de que a situação do país venha melhorar, embora não haja expectativa a curto prazo por parte do governo. Não querem abrir mão do seu visto, mesmo que para isso passem por dificuldades em todos os sentidos.

A situação dos grupos de apoio e das igrejas que se engajaram na missão de auxílio a comunidade brasileira por aqui são precárias, pois contavam com doações, o que hoje não acontece mais. As igrejas em sua maioria minguaram, vendo boa parte dos irmãos regressando ao Brasil. Algumas não têm conseguido pagar o aluguel e terão que fechar as portas.

No entanto, para aqueles que têm permanecido, apesar da dificuldade, Deus permanece fiel dando o sustento e operando milagres. No meu caso em particular, no mês em que meu marido ficou desempregado, bateram no nosso carro. O seguro pagou o dobro do seu valor, e com o dinheiro conseguimos comprar um carro mais barato e com o restante pagamos nossas contas e estamos vivendo.

Então, enquanto não chega a nossa hora de ir embora, continuamos evangelizando japoneses. Tarefa não muito fácil, mas tremendamente recompensadora.

O senhor pode publicar na forma que desejar, edite livremente!!

Um abraço, e mais uma vez obrigada por se importar conosco!

Acesso ao Blog da Irmã Cíntia


.

3 comentários:

Robson Silva de Sousa disse...

A Paz do Senhor prezado Pr. João Cruzué.

Louvo a Deus por tua vida e pela tua dedicação.

Não poderia haver recompensa maior que receber uma resposta como essas de uma filha na fé.

É como receber o abraço de alguém que amamos mas não viamos a muito tempo...

Senti como se fosse comigo!

Parabéns meu amigo... Que o Senhor te abençoe ainda mais! A recompensa você já recebeu...

Abraços.

Em Cristo,

Robson Silva

Cintia disse...

a paz do Senhor!
Fico muito honrada por este espaço que o senhor concedeu a mim!Agradeço de coração!!
Para as pessoas que estão no Japão e se interessou em ajudar os vários grupos de apoio com alimentos não-perecíveis deixo o meu email: maecikaneshigue@gmail.com
No momento não estamos recebendo roupas, pois já estamos com um estoque grande e não temos para quem doar!

sergio domingues disse...

A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus Pai ea comunhão do Espírito Santo estejam com você sempre irmãos.
Obrigado pelo seu E-mail, que estejamos sempre unidos na mesma Fé.
Somos um povo que vem de longe, com muitos nomes, de muitas perseguições, de muitas lutas, mas construindo uma bela história de fé, de doutrina e de princípios. Você os conhecerá nos conteúdos dos documentos que disponibili-zamos neste Portal.
Somos o povo da Bíblia, a Palavra Infalível e Eterna de Deus. Cremos em Deus Pai, santo, justo, criador, e susten-tador de todas as coisas. Cremos no Deus Filho Jesus Cristo, Salvador e Senhor de nossas vidas e almas e no Deus Espirito Santo, o Consolador que nos guia em tudo quanto Jesus ensinou.

Esse é o blog > dominguessergio.blogspot.com <
Faça parte dessa família em nome do Nosso senhor Jesus Cristo.
Em Cristo com amor,
Sergio